sábado, 7 de maio de 2011

Mais informações sobre greve das Escolas Estaduais do RN

Nossa equipe do blog Wendel Kayky Oficial recebemos mais informações de um dos Professores daqui de Messias Targino sobre a greve nas Escolas Estaduais no RN, as informações repassadas são as seguintes:
Nos panfletos que estão sendo distribuídos , os professores alegam que em três meses, o governo Rosalba Ciarline arrecadou R$ 164 milhões a mais, " e diz que não tem dinheiro? Será que o governo quer nove meses para dar respostas as reivindicações óbvias e justas ?" perguntam os sindicalistas.

Segundo relatório do comando de greve, o Dieese marca que o Rio Grande do Norte arrecadou só no primeiro trimestre deste ano, nada menos que 776 milhões de reais, somente com o ICMS, sendo 110 milhões a mais que a arrecadação do mesmo período do ano passado.

Ainda de acordo com dados apresentados, o RN recebeu mais dinheiro do Fundeb este ano, onde dados oficiais apontam que de Janeiro a Abril , o governo federal repassou quase 200 milhões para o estado. Precisamente 54 milhões a mais que no ano anterior.

" E depois disso o governo Rosalba ainda fala em estar aberto as negociações? Para o sinte, negociar é ir para a mesa com soluções concretas para que todas as partes saiam ganhando, e já para o governo, negociar é passar horas em conversas infrutíferas sem respostas concretas ou avanços de qualquer tipo", destaca. De acordo com Josué Damasceno, a greve dos educadores continuará até que o governo respeite os direitos adquiridos pelos trabalhadores em educação, e garanta condições dignas de funcionamento das escolas.

Sindicato terá audiência com representante da Casa Civil

Após fazer plantão em frente à Governadoria, a direção do Sinte conseguiu marcar audiência com representantes da Casa Civil do Estado. O encontro será na próxima segunda-feira , dia 09, às 15h e irá debater as reivindicações da categoria em greve.

Segundo a diretora de Organização do Sinte, Janeayre Souto, o diálogo foi o principal meio utilizado para garantir a audiência. "Essa é a maior arma que temos nesse momento. Até porque não interessa ao sindicato a queda de braço com o governo.", disse.

O diretor de Cultura do Sindicato, Anselmo Pamplona, reitera a importância do debate amistoso: "a busca pelo retorno desse diálogo mostra que a direção do Sindicato e os trabalhadores em educação estão sendo extremamente responsáveis.
Queremos agradecer ao Professor(Não divulgaremos o nome por questão de ética) daqui de Messias Targino pelas informações muito obrigado por colabora no nosso blog.

Nenhum comentário:

Postar um comentário