Páginas

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Após 6 horas de reunião com Dilma, base diz que apoiará plebiscito

A presidente Dilma Rousseff concluiu nesta quinta-feira (27) uma jornada de reuniões que durou cerca de seis horas – primeiro com líderes da base aliada no Senado, e em seguida, com lideranças da Câmara – sobre a realização de um plebiscito para a reforma política. Os parlamentares deixaram o Palácio do Planalto declarando apoio à iniciativa.
Dilma recebeu pela manhã os presidentes de dez partidos que compõem a base aliada do governo no Congresso. A partir das 15h15, reuniu-se com os líderes do Senado e, às 18h30, com as lideranças da Câmara. Acompanharam a presidente os ministros da Educação, Aloizio Mercadante, e da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.
O líder do governo da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), disse após a reunião que os deputados da base estão unidos em torno da realização de um plebiscito, mas evitou afirmar se a intenção dos parlamentares é fazer com que a reforma política valha já para 2014. “Queremos aguardar a resposta do Tribunal Superior Eleitoral”, disse.
“O tema da reforma política surgiu. Todos nós valorizamos sem exceção a importância de uma consulta popular, e quando confrontada a ideia de um plebiscito e a ideia de um referendo, por unanimidade, nós fechamos unidade em torno de um plebiscito”, disse o petista.
O plebiscito é a convocação dos eleitores do país a aprovar ou rejeitar questões relevantes antes da existência de lei ou do ato administrativo. Assim, a população diz se quer ou não que ele seja aprovado. O referendo, defendido pela oposição, também é uma consulta popular, mas é convocado depois que o ato já foi aprovado, cabendo ao povo ratificar ou rejeitar a proposta.

MANIFESTO TELEXFREE: PROMOTORA DO CONSUMIDOR DIZ QUE SER VÍTIMA DE GOLPES É COMUM, MAS PEDIR PARA SER LESADO É DEMAIS

 
Na manhã desta quarta-feira (26), quando vários divulgadores da Telexfree realizaram uma manifestação em frente ao Ministério Público Estadual, a promotora do Consumidor, Alessandra Marques, que está de licença, insinuou nas redes sociais que essas pessoas estão pedindo para serem lesadas. “Eu até entendo que uma pessoa seja vítima de golpes comuns existentes no mercado de consumo, mas pedir para ser lesada já é demais!”, alertou.
Alessandra Marques foi quem iniciou a investigação sobre a empresa no Acre. O resultado foi o pedido de suspensão dos cadastros e pagamentos da Telexfree pela promotora Nicole Arnoldi, que foi acatado pela juíza Thaís Borges. O desembargador Samoel Evangelista confirmou a decisão de primeiro grau.
Da redação de ac24horas Rio Branco-AC

SITE DO ACRE INFORMA QUE A TELEXFREE JÁ DESVIOU 120 MILHÕES DE REAIS DAS CONTAS BLOQUEADAS PELA JUSTIÇA

O caso Telexfree ainda rende e nesta terça-feira (25), surgiram dois fatos novos: o primeiro é que o montante desviado das contas que estão bloqueadas pela justiça do Acre pode ultrapassar os 120 milhões de reais e, a segunda é a de que os promotores de justiça que acompanham o caso suspeitam que dois dos diretores do grupo Ympactus Comercial Ltda – Telexfree, já fugiram do País.
No Ministério Público do Acre nenhum promotor ou procurador quer falar sobre o caso, alegando que “qualquer vazamento de informações poderá comprometer as investigações que estão ainda em andamento”.
Mas também o caso tem duas boas notícias: a primeira é a de que nenhum dos investidores (divulgadores) será denunciado ao fisco e, a segunda, é a de que o Ministério Público do Acre pedirá a justiça o ressarcimento em parte ou total dos valores depositados em nome da Telexfree. Pelas informações não oficiais, ainda há em conta corrente em nome da Telexfree a importância de 800 milhões de reais.
Fonte: AC24horas

Barragem de Oiticica é incluída entre prioridades do governo federal

O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, recebeu do ministro Fernando Bezerra, da Integração Nacional, portaria publicada no Diário Oficial da União incluindo a barragem de Oiticica, em Jucurutu, entre os empreendimentos do Rio Grande do Norte com prioridade para receberem recursos para obras e serviços de engenharia destinados à prevenção e ao enfrentamento de desastres naturais. A portaria também é assinada pela ministra Miriam Belchior, do Planejamento, Orçamento e Gestão. A portaria que adicionou a barragem de Oiticica entre as obras emergenciais está em consonância com outra portaria dos ministérios da Integração, Orçamento, Cidades e Saúde.
A portaria anterior, de número 130, de abril deste ano, inicialmente, instruiu a inclusão de 15 projetos do Rio Grande do Norte, a maioria deles na área de abastecimento de água.
Obras de emergência para o Rio Grande do Norte
Além da barragem de Oiticica, os projetos já contemplados na portaria anterior são os seguintes: no ministério das Cidades foram autorizados dois sistemas de abastecimento de água para Assú e Caicó.
Entre os municípios beneficiados com ampliação dos atuais sistemas de abastecimento de água estão; Porto do Mangue e comunidade do Rosado, Caraúbas, São João do Sabugi, Encanto, Jardim de Piranhas, Portalegre e Pendências, todos com projetos no ministério da Saúde.
Já o ministério da Integração Nacional aprovou o projeto da barragem de Umarizeiro e da subadutora de Governador Dix-sept Rosado , partindo do sistema adutor Apodi-Mossoró. As comunidades que estão às margens da barragem de Santa Cruz , em Apodi, também tiveram seus sistemas de abastecimentos selecionados pelo ministério da Integração.
A adutora de Umari, em Campo Grande, e uma adutora integrada ligando Pendências, Macau, Guamaré e Baixa do Meio, fazem parte da seleção de projetos já publicados pelo ministério da Integração.
SAÚDE – O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, enviou portaria ao deputado Henrique Eduardo Alves autorizando o repasse de R$ 750 mil para os serviços de média e alta complexidade do Hospital Universitário Onofre Lopes, em Natal.

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 35 milhões neste final de semana

 
O concurso 1.507 da Mega-Sena, que será realizado no próximo sábado, pode pagar prêmio de R$ 35 milhões ao bilhete que acertar as seis dezenas sorteadas.
Ontem, nenhuma aposta acertou as dezenas do concurso 1.506 da Mega-Sena e o prêmio acumulou. Os números sorteados, em São Paulo, foram: 03 – 14 – 18 – 34 – 42 – 49.
Apesar de nenhum bilhete ter acertado as seis dezenas, 182 apostas fizeram a quina e vão levar R$ 13.681,20. Outras 10.892 fizeram a quadra e vão levar R$ 326,58.
A Mega-Sena realiza sorteios duas vezes por semana, às quartas e aos sábados. As apostas devem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima – seis números – custa R$ 2.

Confederações: Espanha vence a Itália nos pênaltis e pega o Brasil na final

Após o empate por 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação, a Espanha derrotou a Itália, nos pênaltis, por 7 a 6, na Arena Castelão, em Fortaleza, e se classificou para pegar o Brasil na final da Copa das Confederações.
A decisão será no próximo domingo (30), às 19h, no Maracanã. A Itália disputará o terceiro lugar com o Uruguai, no mesmo dia, às 13h, em Salvador.
Esta é a primeira vez que a seleção espanhola se classifica para a final da competição. Em 2009, parou nas semifinais contra os EUA.
Se derrotar os brasileiros, os espanhóis conquistarão todos os principais títulos do futebol. Eles já foram campeões dos Jogos Olímpicos, da Copa do Mundo e da Eurocopa.
Tricampeão e finalista da Copa das Confederações em cinco oportunidades (contando com a decisão da atual edição), o Brasil terá a chance de impedir o feito espanhol.
Todos os atletas da Espanha converteram suas penalidades –Xavi, Iniesta, Piqué, Ramos, Mata e Busquets. O meia-atacante Jesus Navas acertou a cobrança decisiva.
No sétimo pênalti italiano, o zagueiro italiano Bonucci desperdiçou ao mandar por cima do gol de Casillas. Candreva, Aquilani, De Rossi, Giovinco, Pirlo e Montolivo acertaram suas cobranças.

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Divulgadores da Telexfree no RN tentam reaver investimento na Justiça

Divulgadores da Telexfree no Rio Grande do Norte estão buscando a via judicial para reaver investimentos após a decisão do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), que manteve nesta segunda-feira (24) uma liminar proibindo os pagamentos e novas adesões à empresa. De acordo com os advogados Alexandre Rêgo, André Araújo, Márcio Maia e Thiago Almeida, 15 clientes já procuraram o escritório deles para tentar garantir o reembolso do dinheiro investido na Telexfree.
"São ações para reaver os valores. Pessoas que investiram até R$ 200 mil e não conseguiram sacar via Telexfree. Os investimentos foram feitos há pouco tempo. No nosso entendimento, isso pode ser feito", explica André Araújo, que recomenda agilidade aos divulgadores que queiram recuperar o dinheiro investido. "A propositura das ações deve ocorrer o quanto antes. Não se deve esperar o mérito do agravo de instrumento que está na Justiça do Acre", afirma.
Os advogados relatam que vão ao Acre para analisar o processo por inteiro para entrar com ações que garantam o direito do recebimento dos valores. "Como terceiros nesse processo, os divulgadores possuem esse direito", diz Araújo. De acordo com ele, a decisão do Acre teve efeito de bloqueio para todos os divulgadores do país, que não podem efetuar os saques das contas e cadastrar novas pessoas.
Além dos novos clientes, os advogados são os responsáveis pelos seis processos que tramitam no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) envolvendo a versão brasileira da Telexfree, a empresa de nome Ympactus Comercial LTDA. "São ações que reivindicam direitos dos divulgadores que tiveram contas bloqueadas de forma administrativa ilegalmente", explica o advogado Alexandre Rêgo.
Somados, os divulgadores que entraram com processos na Justiça do RN possuem mais de 200 contas. "A empresa sempre informa que são erros técnicos. Os processos ficam em aberto para que as contas não voltem a ser bloqueadas", explica. De acordo com Alexandre Rêgo, a Telexfree só efetuou os desbloqueios em questão por via judicial até agora. "Quando levamos a petição e tentamos resolver administrativamente, é pedido que se entre na Justiça", informa.
Além das demandas judiciais no RN, os advogados têm atendido clientes de outros estados no desbloqueio de contas. "Conseguimos desbloquear contas de diversos líderes, que possuem até 500 mil contas", contabiliza André Araújo.
Do G1 RN

Câmara rejeita PEC 37, que retira poderes do Ministério Público

Pressionada pelas manifestações que tomam as ruas contrárias ao projeto que retirava poderes de investigação do Ministério Público, a Câmara dos Deputados derrubou nesta terça-feira (25) a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 37.
A votação faz parte de uma agenda positiva criada pela Câmara para responder aos protestos. Nos últimos dias, a proposta passou a ser uma das principais reivindicações dos grupos populares. Foram 430 votos contrários à medida contra 9 favoráveis e 2 abstenções.
O projeto previa que a condução de inquéritos criminais seria exclusiva das polícias, enquanto caberia aos Ministérios Públicos federal e estaduais apenas apresentar ações na Justiça ou arquivar as investigações.
Os delegados de polícia e os deputados favoráveis à PEC 37 argumentavam que é preciso dividir as funções para coibir abusos, enquanto os membros do Ministério Público e a maioria dos parlamentares considerou que o órgão pode fazer suas próprias investigações.
O impasse gerou uma disputa entre as categorias e chegou a ameaçar o andamento de investigações. Com isso, em abril, a Câmara criou um grupo de trabalho com representantes de policiais, do Ministério Público, do governo e da Casa para trabalhar um texto alternativo. Não houve consenso. O Ministério Público não aceitou apurar de forma extraordinária, só quando tivesse risco para as investigações das policiais.
Sem entendimento, o comando da Casa chegou a anunciar que a votação seria adiada, mas com a mobilização social decidiu engavetar o texto.
Aos gritos de "rejeita, rejeita", centenas de procuradores e promotores acompanharam a votação nas galerias do plenário. O presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), fez um apelo pela rejeição da proposta porque "o povo brasileiro quer cada vez mais combate à corrupção" e na defesa da ética. "É um ato de unanimidade derrotar essa proposta", afirmou.
O líder do PSOL, Ivan Valente (SP), fez um dos discursos mais inflamados e lembrou a pressão popular. "Foi o clamor das ruas que trouxe a PEC e isso que vai derrubar. É isso que tem que ser valorizado. Não é a vontade dos deputados. A pauta do Congresso não tem que ser pautada pelas empreiteiras, pelos bancos, pelos interesses".
O PT recomendou a derrubada do texto, mas disse que vai discutir regras para a investigação.
Autor da PEC, o deputado Lourival Mendes (PTdoB-MA) afirmou que o debate em torno do texto foi deturpado e que foi rotulada "indevidamente de PEC da Impunidade". "Não tem nada de impunidade. Tem garantia do Estados democrático de direito".
Ao final da votação, deputados e ocupantes da galeria do plenário cantaram o hino nacional.
Da Folha Online

Tremores de terra em cidade do RN são registrados em dois eventos

O município de Pedra Preta, situado a 149 quilômetros de Natal, registrou na última semana, na quarta-feira (19) e sexta-feira (21), intensas atividades sísmicas, que chegaram até a 3.4 graus na Escala Richter. As informações foram confirmadas pelo Blog Sismos, de responsabilidade do Laboratório Sismológico da UFRN (LabSis/UFRN), Departamento de Geofísica (DGEF), Centro de Ciências Exatas e da Terra (CCET).
Segundo o blog, no dia 19, ocorreram dois tremores sentidos pela população de Pedra Preta. Os eventos ocorreram num intervalo de menos de dois minutos. O primeiro evento, de magnitude 2.8 ocorreu às 17:00 UTC (14:00 hora local). O segundo evento, de magnitude 3.4, ocorreu às 17:01 UTC (14:01 hora local).
Já no dia 21, ocorreram vários tremores na região de Pedra Preta que foram registrados pela estação de Riachuelo (RCBR). Pelo registro, embora não tenham sido determinadas as magnitudes, pelo menos 4 eventos tiveram magnitude maior ou igual a 2.0.
A atividade sísmica em Pedra Preta vem ocorrendo desde dezembro de 2010 tendo sido identificadas duas áreas sísmicas, a primeira, ao norte, onde ocorreram os sismos de hoje, associada à falha sismogênica de Cabeço Preto, e a segunda, mais ao sul, próxima a Pedra Preta. Resumindo, a atividade sísmica na região de Pedra Preta vem ocorrendo desde 2010, em duas áreas sísmicas distintas, sendo impossível prever como será sua evolução futura.

Pela 1ª vez, STF manda prender deputado condenado

O STF (Supremo Tribunal Federal) manteve nesta quarta-feira (26) a condenação do deputado federal Natan Donadon (PMDB-RO), por 8 votos a 1, e pediu que fosse expedido um mandado de prisão contra o réu. Em 2010 a corte o condenou a 13 anos e quatro meses de prisão por formação de quadrilha e peculato. Donadon é acusado de participação em desvio de cerca de R$ 8 milhões da Assembleia Legislativa de Rondônia em simulação de contratos de publicidade. Ele é o primeiro parlamentar condenado à prisão desde a Constituição de 1988.
Para juristas, o caso serve de termômetro com relação ao comportamento do STF no caso dos quatro parlamentares condenados à prisão no julgamento do mensalão.
O julgamento se deu num momento em que o Congresso e a Justiça adotam uma agenda 'positiva', após manifestações que entre outras pautas pedem o combate à corrupção se espalharem pelo país.
Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do deputado não foi localizada. A assessoria da presidência da Câmara informou que ainda está definindo quais medidas serão tomadas.
UOL

Movimento #Revoltadobusão realiza manifesto nesta sexta na Praça Cívica

O movimento #Revoltadobusão, iniciado no ano passado, contestando o aumento no preço da tarifa de transporte coletivo em Natal e reivindicando melhorias na qualidade no serviço de transporte, e apontada como percursora dos manifestos que tomaram conta do país na última semana, confirmou para esta sexta-feira (28), a partir das 15h, mais um ato público, dessa vez, na Praça Cívica, no bairro de Petrópolis, Zona Leste de Natal. A confirmação foi feita na noite dessa terça-feira (25), durante plenária realizada no Centro de Convivência da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).
Após a revogação do valor da tarifa de ônibus na capital potiguar, que passou a custar R$ 2.20 desde esse domingo (23), a queda da PEC 37, na noite dessa terça-feira, e, no mesmo dia, a confirmação dos royalties do petróleo, 75% para educação e 25% para saúde, os manifestantes pretendem chamar a atenção dos políticos para outros temas em pauta, como o Ato Médico, insegurança e ações contra a corrupção.

Câmara aprova destinação dos recursos dos royalties para a educação e saúde

A Câmara dos Deputados aprovou, há pouco, projeto de lei do Executivo que destina 75% dos recursos dos royalties do petróleo para a educação pública, com prioridade para a educação básica, e 25% para a saúde. O governo queria que todos os recursos fossem destinados à educação. Mas, para a aprovação do projeto, as lideranças partidárias fizeram um acordo destinando parte dos recursos para a saúde.
O texto aprovado estabelece que será obrigatória a aplicação dos recursos dos royalties na educação e na saúde pela União, estados e municípios. A proposta também determina que 50% dos recursos do Fundo Social do Pré-Sal sejam aplicados na educação até que se atinja o percentual de 10% do Produto Interno Bruto (PIB).
A maioria dos destaques que visava a alterar o texto foi retirada pelos seus autores e os que chegaram a ser votados foram rejeitados pelo plenário da Câmara. Com a conclusão da votação, o projeto segue agora para apreciação do Senado, em regime de urgência.
Concluída a votação do projeto dos royalties, os deputados aprovaram requerimento para votação em regime de urgência do projeto de lei que estabelece novas regras para a distribuição dos recursos do Fundo de Participação dos Estados (FPE).
Agência Brasil

terça-feira, 25 de junho de 2013

Presidente Dilma Rousseff propõe plebiscito para discutir reforma política no país

Ao contrário de seu pronunciamento ao País em cadeia de rádio e TV, a presidente Dilma Rousseff apresentou nesta segunda-feira medidas concretas para a resolução dos principais pontos reivindicados pela onda de protestos há duas semanas. Ela elencou cinco pactos, dos quais o mais ousado é a criação de um plebiscito que debaterá a reforma política e, dentre outros assuntos, deverá propor que o crime de corrupção seja considerado hediondo.
"Quero propor um pacto de construção de uma ampla e profunda reforma política, que amplie a participação popular", afirmou a presidente, ao abrir um encontro com os 27 governadores e 26 prefeitos das capitais brasileiras. "Quero propor um debate sobre a convocação de uma ampla e profunda reforma política", sugeriu.
O primeiro pacto anunciado por Dilma foi o da responsabilidade fiscal, com o objetivo de garantir a estabilidade da economia diante da atual crise mundial. O segundo pacto é "em torno da construção de uma ampla e profunda reforma política, que amplie a participação popular e amplie os horizontes da cidadania", disse a presidente. "Quero propor o debate sobre a convocação de um plebiscito popular para uma reforma política", anunciou Dilma.
Dentro do segundo pacto, a presidente sugeriu a tipificação da corrupção dolosa (quando há intenção) como crime hediondo. Uma iniciativa fundamental é uma nova legislação que classifique a corrupção como crime hediondo com penas severas", disse a presidente, que reiterou a defesa ao aprofundamento da Lei de Acesso à Informação como instrumento de auxílio ao combate do mau uso do dinheiro público.
O terceiro pacto diz respeito à melhoria do sistema de saúde do País, acelerando "os investimentos já contratados em hospitais, UPAs (unidades de pronto-atendimento) e unidades básicas de saúde", disse Dilma. Segundo a presidente, outra medida que pode ser adotada é a inclusão de hospitais filantrópicos ao programa que rebate dívidas com mais vagas a pacientes do SUS.
Um dos temas mais polêmicos do pronunciamento de Dilma em cadeia nacional, a contratação de médicos estrangeiros foi novamente abordada quando a presidente falou do pacto pela saúde. Segundo Dilma, haverá um grande esforço de incentivos para levar médicos brasileiros a áreas desabastecidas do País. Porém, na indisponibilidade de médicos formados no País, o governo buscará mão de obra estrangeira. "Quando não houver disponibilidade de médicos brasileiros, contrataremos médicos estrangeiros", disse presidente, que ressaltou que apenas 1,79% dos médicos que trabalham no País são formados no exterior, em comparação com outros países como a Inglaterra (onde os estrangeiros são 37% do total) e Estados Unidos (25%).
O quarto pacto anunciado por Dilma diz respeito ao transporte público e mobilidade urbana. A presidente anunciou um investimento de R$ 50 bilhões para obras de mobilidade urbana, como a construção de linhas de metrô e corredores de ônibus. Além disso, Dilma anunciou a criação do Conselho Nacional do Transporte Público, "com participação da sociedade e dos usuários", em busca de "maior transparência e controle social no cálculo das tarifas". A presidente também afirmou que o governo pretende desonerar os impostos PIS e Cofins cobrado do óleo diesel usado em ônibus e da energia elétrica empregada em trens e metrôs.
Do TERRA

Ex-prefeito sofre agressão quando atendia paciente

 
Um atendimento médico a um paciente que se encontra internado no Hospital Maria Cristina Maia, em Janduís, acabou se transformando em confusão. Chamado por familiares de um paciente que se encontrava internado, o ex-prefeito de Janduís, médico Salomão Gurgel, chegou a ser agredido verbalmente por familiares da prefeita Lígia Félix e despois ainda foi cercado por policias que foram até o hospital convocados pela prefeita. Depois de revistado, o ex-prefeito foi liberado.
Salomão disse que estava na cidade, quando foi acionado por familiares de um paciente que deu entrada às pressas no hospital da cidade, que não tinha médico de plantão. Segundo ele, como a vítima tinha sofrido um edema pulmonar, início de parada respiratória, era necessário um atendimento de urgência. “Estava realizando um procedimento com o propósito de salvar a vítima, mas uma senhora por nome de Maria, mãe da prefeita da cidade, Lígia Félix, invadiu o hospital”, disse.
Aos gritos a mulher teria ordenado que o médico deixasse imediatamente o hospital. Mesmo diante do escândalo gerado pela mãe da prefeita, Salomão disse que continuou com o atendimento, enquanto o vereador Josenildo Morais, que é aliado da prefeita, retirou a mulher do local. “Para a minha surpresa, quando conclui o atendimento e me retirava do hospital, fui cercado por policiais, fortemente armados, me revistando dos pés à cabeça, como se eu fosse um bandido. Nunca passei por tal constrangimento numa cidade em que eu fui prefeito”, disse.
O médico e ex-prefeito garantiu que só foi ao hospital porque, pelo segundo dia consecutivo, a Casa de Saúde estava sem médico de plantão. “As pessoas são levadas para Messias Targino ou para Caraúbas, porque não tem nem quem faça o encaminhamento. Como eu atendo na minha clínica particular aos sábados aqui, hoje (23) pela manhã eu atendo também mais na parte de psiquiatria, mas como nosso sistema está destroçado, eu acabo também atendendo outras pessoas”, finalizou.
Em contato com o vereador e atual presidente da Câmara, Leandro Tomé, ele disse que o ex-prefeito agiu naturalmente no sentido de tentar salvar a vida de Audery Fernandes, que acabou falecendo ainda na noite de domingo (23).
Representante do Sinmed defende atitude de Salomão
O Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (SINMED) saiu em defesa do médico e ex-prefeito de Janduís, Salomão Gurgel, que garante ter sido praticamente expulso do Hospital Maria Cristina Maia.
Através do Blog do jornalista Marcos Dantas, a médica Verônica Alcântara, que representa o Sinmed na região do Seridó, saiu em defesa do colega Salomão.
“Médico não invade hospital, tem direito de entrar. O médico numa urgência não é preciso ser especialista. É direito do médico entrar em qualquer lugar para atender. Se for avisar e pedir licença, o paciente pode morrer. O médico foi chamado, já que não tinha médico no Hospital, a quem, se tivesse ele poderia pedir licença, no caso não tendo, ele tinha que fazer isso mesmo, atender um paciente grave que estava morrendo. Fez certíssimo”, disse a médica.
Para Estela Maria, irmã da prefeita Lígia Felix, o médico foi quem invadiu o hospital sem comunicar a direção. Estela também negou que o Município tenha deixado de dar qualquer tipo de assistência à vítima, Audery Fernandes, que foi sepultada ontem (24) em meio a muita comoção e revolta.

Aeroporto de São Gonçalo começa a funcionar em abril de 2014

 
O ministro de Aviação Civil da Presidência da República, Wellington Moreira Franco, participou na tarde desta segunda-feira (24) de uma visita técnica ao Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e acompanhou de perto a evolução das obras do aparelho. A visita teve a participação do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves, do ministro da Previdência Social, Garialdi Alves Filho, do secretário-Chefe do Gabinete Civil, Carlos Augusto, do titular do Desenvolvimento Econômico, Rogério Marinho, e do prefeito de São Gonçalo, Jaime Calado. Carlos Augusto representou a governadora Rosalba Ciarlini, convocada para uma reunião da presidenta Dilma Rousseff com 26 governadores, mais representante do Distrito Federal, e prefeitos, em Brasília.
Na visita, foram apresentados os dados atualizados do maior aeroporto de cargas e passageiros da América Latina e único equipamento consorciado do país construído exclusivamente para a Copa do Mundo de 2014. Com previsão de conclusão em fevereiro de 2014 e início das operações em abril do mesmo ano, o aeroporto terá terminal de passageiros de 40 mil m², 1.500 vagas de estacionamento e capacidade de operação de 6,2 milhões de passageiros por ano. O total de investimento é de R$ 410 milhões, dos quais R$ 326 milhões de financiamento do BNDES.
Moreira Franco destacou a importância do cumprimento do cronograma estabelecido após a assinatura da ordem de serviço e adiantou que entraves como a construção dos acessos Norte e Sul, de responsabilidade do Governo do RN, terão definições ainda nesta semana, após reuniões técnicas com construtoras.
”Estamos tendo aqui uma participação coletiva do Exército, governos Federal e Estadual, prefeitura de São Gonçalo, Infraero e o consórcio Inframerica. Este é um esforço que todos estão fazendo e estamos
avançando mais rápido à medida que existem importantes colaboradores que atuam em conjunto para o cumprimento de metas. Isso é fundamental. A presidenta Dilma Rousseff tem muito interesse na conclusão dessa obra, que significa um grande trabalho não só para o RN como para o Brasil”, declarou o ministro da Aviação Civil.
O deputado Henrique Alves disse que o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante é a “mais importante obra do presente e futuro do RN. Todo o esforço da bancada política do Estado foi feito desde a época do governo de Garibaldi Alves Filho. Este aeroporto será importante não só para os passageiros como será um importante entreposto de cargas. Esta obra tem que ser exemplar e temos que elogiar a Inframerica que vem cumprindo à risca o cronograma estabelecido. O ministro veio como representante da presidenta Dilma Rousseff para cobrar os prazos e ver o andamento. Ele já cobrou, teve repostas satisfatórias e pedi que ele voltasse em setembro para ver como estará”, ressaltou o presidente da Câmara.

Operários do RN são flagrados em péssimas condições de trabalho no PI

 
Operários da construção civil do Rio Grande do Norte foram flagrados nesta segunda-feira (24) em condições que beira ao trabalho escravo em plena zona urbana de Teresina. De acordo com o site Cidade Verde, cerca de 50 trabalhadores localizados na vila Samaritano, no bairro Campestre, zona Leste de Teresina, foram encontrados em péssimas condições de trabalho.
Os trabalhadores que saíram do Rio Grande do Norte foram para Teresina com a promessa de receber R$ 2 mil de salários. Contudo, o acordo não foi cumprindo e eles denunciaram à construtora. No alojamento, constatou-se sujeiras, homens dormindo em colchonetes no chão e banheiros insuficientes.
Edeilson Felipe da Silva, 28 anos, que veio de Touros, no Rio Grande do Norte, reclamou da sujeira e das acomodações. “Só tem dois banheiros para 50 homens. Eles prometeram uma coisa e quando chegamos aqui era outro”, disse o trabalhador ao site.
Antônio Rodrigues da Silva, do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, acompanhou o impasse dos operários. Ele disse que o sindicato foi acionado e estava adotando as medidas para que os trabalhadores não fiquem prejudicados.
O engenheiro da obra – que forneceu o nome e depois pediu para não ser identificado – garantiu que todos os trabalhadores terão seus direitos garantidos. A Construtora Patrimônio iria pagar os 10 dias de diárias pelo deslocamento dos homens e passagens de ônibus para o retorno dos operários as suas residências.
Com informações do site cidadeverde.com

domingo, 23 de junho de 2013

Mega-Sena sorteia Quina R$ 90 milhões no São João

A Quina de São João vai sortear R$ 90 milhões no próximo dia 24. As apostas para a premiação especial já podem ser feitas.
O sorteio será realizado às 20h25 (horário de Brasília), em Campina Grande (PB). Para participar, é preciso escolher cinco, seis ou sete números, entre os 80 disponíveis no volante.
O preço da aposta com cinco números é de R$ 0,75, com seis, R$ 3, e com sete números, R$ 7,50. O apostador que acertar cinco, quatro ou três números recebe o prêmio da respectiva faixa.

Mobilização por paz reúne milhares de branco em Mossoró

O movimento CHEGAAAA pedindo Paz para Mossoró saiu às ruas na manhã deste sábado, 22. O comércio fechou por uma hora (9h às 10h) no Centro. A concentração foi no Memorial da Resistência e a caminhada seguiu pela Avenida Rio Branco, entrou na Augusto Severo e entrou na Coronel Gurgel, finalizando na Praça Rodolfo Fernandes (praça do Pax), Centro da cidade.
Conforme ficou acertado, todas as estruturas de segurança (Polícia Militar, Civil e Guarda Municipal) foram mobilizadas para garantir uma mobilização em paz. A Polícia de Trânsito e os Guardas de Trânsito organizaram o trânsito para evitar transtornos. Os mascarados foram recomendados a evitar o protesto e os que insistiram foram revistos e seguidos de perto pela PM.
Na Praça Rodolfo Fernandes, em frente ao Shopping, o advogado Paulo Cesário, da comissão de segurança da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Mossoró, elencou os principais pontos que cobram pela segurança em Mossoró, destacando-se a falta de policiais civis e a estrutura precária do ITEP. Pediram a convocação imediata dos policiais civis e também militares.
Em outro ponto da parada na Praça Rodolfo Fernandes, a assistente social Herbênia Ferreira, deu seu testemunho do sofrimento que passa em função da violência. Contou que os filhos tem medo até de sair de casa, com medo de serem assaltados novamente.
Um minuto de silêncio com as mãos erguidas foi respeitado. 10 mil balões brancos foram soltos.
De Portugal, o jornalista Carlos Guerra Junior mandou mensagem pelas redes sociais, lamento a violência que assusta em sua terra natal e afirmando o quanto é bom viver numa terra que as pessoas vivem em paz. Segundo ele, em Coimbra, este ano aconteceu apenas um homicidio.
Os policiais militares, civis e da Guarda Civil que acompanharam a mobilização, observam que tudo aconteceu de forma pacífica e ordeira. Os comandantes Alvibá Gomes e Correia Lima, do II Batalhão de Policia Militar e do 12 BPM, respectivamente, foram tratados como heróis. Por diversas vezes foram parados pelos manifestantes para tirar fotos.
Como já era de se esperar, não aconteceu nenhum incidente durante a caminhada pela paz do Memorial da Resistência a Praça Rodolfo Fernandes. O chegaaaa foi encerrado com Hino Nacional sendo cantado.
A origem do CHEGAAAA
A mobilização teve inicio nas redes sociais no início de junho e ganhou proporções em poucos dias. Tres horas depois de ter sido criado uma comunidade na rede social, mais de 3 mil pessoas já estavam cadastradas e hoje são mais de 25 mil com o grito pela paz. De acordo com Ricardo Lopes, um dos idealizadores do movimento no inicio não se imaginava que a mobilização iria ganhar essa proporção. A mobilização terminou com o ar de outra já se formando.

Procon Natal divulga pesquisa sobre o preço do milho nas feiras livres

O produto mais tradicional das festas juninas está sofrendo com os problemas da seca no Nordeste, passando por acentuada escassez no mercado. Falta milho verde na maioria dos supermercados e nas feiras livres da capital há pouca oferta do produto.
No entanto, na última semana que antecede a data comemorativa ao São João, houve um incremento na oferta, o que leva a crer terem sido feitos estoques para a tradicional festa.
De olho no produto mais consumido no período, o Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Natal) realizou pesquisa sobre o preço do cereal nas feiras livres da cidade. Conforme a pesquisa, o custo médio do milho em unidade (espiga) nas feiras livres é de R$ 0,60, enquanto a chamada “mão” de milho, correspondente a 50 espigas, sai por aproximadamente R$ 25,00.
Já nos supermercados, em virtude da ausência do produto na maioria das lojas pesquisadas, ficou prejudicada a elaboração de uma média de preço. No entanto, onde pôde ser pesquisado, o produto apresentou preços que variam de R$ 3,00 até R$ 8,00 nas embalagens contendo cinco unidades de milho.
O Procon encontrou grandes variações, principalmente nos supermercados, o que indica a necessidade de pesquisa pelo consumidor para que encontre os preços mais justos. A pesquisa foi realizada nas três primeiras semanas de junho junto a 10 supermercados e hipermercados, 10 mercadinhos e cinco feiras livres tradicionais.
A orientação do Procon Natal é para os consumidores sempre pesquisarem antes de qualquer compra, pois a variação de um estabelecimento para outro chega a ser grande, mesmo entre estabelecimentos da mesma zona ou até do mesmo bairro. As tabelas completas com preços por produto e estabelecimento estão à disposição dos interessados no site do Procon Natal: www.natal.rn.gov.br/procon

sexta-feira, 21 de junho de 2013

O Tradicional Arraia Tio Aluizio 2013 é Neste Sábado

Neste Sábado dia 22 de Junho, será realizado a edição 2013 do Arraia Tio Aluízio em Messias Targino.
O Arraia Tio Aluizio já é uma tradição que vem sendo preservada pela direção da Associação Joani de Zacarias, que mesmo diante de tantas dificuldades que a Associação vem passando, vem fazendo esforço pra manter essa tradição, com apoio de várias pessoas públicas que sempre vem colaborando para realizar esta festa.
Já é a 4 edição do Arraia que leva o nome do idealizador Aluízio Barbosa, que foi quem iniciou esse arraia há uns 10 anos atrás, e neste ano teremos sorteio de 2 balaios juninos para quem comprar o bilhetinho, sorteio de 150 reais para quem comprar o ingresso para o arraia, haverá apresentação de quadrilha matuta com premiação para o casal mais matuto e o mais arrumado, a atração musical deste ano é o cantor Gil Martins e Banda, tocando muito forró, haverá comidas típicas e muito mais.
A direção da Associação agradecemos o apoio de todos, e a todos que vem nos apoiando sempre, e que a festa seja um sucesso e cheia de muita alegria e paz, então leve sua família, seus amigos e venham prestigiar o Arraia do Tio Aluízio 2013 neste Sábado.
Participe!!!.


Inscrições para o Prouni podem ser feitas a partir desta sexta-feira

Começam hoje (21) as inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni). Aqueles que quiserem concorrer a bolsa de estudos em instituições particulares de educação superior podem se inscrever no site do programa. As inscrições vão até a próxima terça-feira (25).
Pode se inscrever no Prouni o estudante brasileiro que não tenha diploma de curso superior. É preciso ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtido no mínimo 450 pontos na média das notas. O candidato não pode ter zerado a redação e deve ter cursado todo o ensino médio na rede pública ou ter tido bolsa integral em escola particular.
Segundo o Ministério da Educação, serão 90.010 bolsas no segundo semestre deste ano. Do total, 55.658 serão bolsas integrais e 34.352 parciais, de 50% do valor das mensalidades das instituições particulares.
As bolsas integrais do ProUni são para os estudantes com renda bruta familiar por pessoa de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais são para os candidatos com renda bruta familiar de até três salários mínimos por pessoa.
O processo terá duas chamadas. O resultado da primeira será divulgado no dia 28, pela internet. Desse dia até 5 de julho, o estudante pré-selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de ensino para aferição das informações prestadas no momento da inscrição, providenciar a matrícula e, se for o caso, participar de seleção própria da instituição.
O resultado da segunda chamada está previsto para 13 de julho. O estudante terá de 15 a 19 de julho para comprovar as informações e providenciar a matrícula.
Os candidatos não selecionados nessas etapas podem aderir à lista de espera do dia 26 a 29 de julho. Eles começarão a ser convocados a partir do dia 2 de agosto. O candidato selecionado terá até o dia 7 do mesmo mês para a comprovação dos documentos e matrícula. Em 12 de agosto será feita a segunda convocação.Os pré-selecionados deverão fazer a matrícula até o dia 15 de agosto.
Da Agência Brasil

Arraia Tio Aluizio

Participe!!!

Justiça eleitoral cassa de novo mandato de Claudia Regina e do vice Wellington

O juiz José Herval de Sampaio Júnior, da 33ª zona eleitoral, aplicou nova canetada contra a prefeita Cláudia Regina (DEM) e decretou a cassação do mandato dela e do vice-prefeito Wellington Filho (PMDB). A sentença saiu agora a pouco.
Decisão na INTEGRA.
Herval acatou denúncia formulada pela coligação "Frente Popular Mossoró mais Feliz", que foi às ruas com a candidatura da deputada estadual Larissa Rosado (PSB), que perdeu as eleições e recentemente foi condenada à perda dos direitos políticos por oito anos, bem como o seu candidato a vice-prefeito, Josivan Barbosa de Menezes (PT).
Na sentença de hoje, José Herval determina que novas eleições sejam realizadas, uma vez que a prefeita Cláudia Regina obteve mais de 50% dos votos válidos.
A sentença, contudo, não é definitiva e a assessoria jurídica da prefeita Cláudia Regina recorrerá ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Fonte: Blog de Edilson Damasceno

LIMINAR DA TELEXFREE AINDA NÃO FOI CASSADA

Ao contrario do que tem sido publicado em redes sociais, pelos divulgadores da Telexfree e alguns blogs, a liminar que “derrubou” o Telexfree ainda não foi cassada.
O advogado da Telexfree, Horst Fouchs, entrou na tarde desta quinta-feira (20) com um recurso junto ao Tribunal de Justiça do Acre para tentar derrubar a decisão da juíza da 2ª Vara Cível de Rio Branco, Thaís Queiroz Borges de Oliveira Abou Khalil, que impediu a empresa de fazer pagamentos aos seus divulgadores, bem como cadastrar novos participantes.
O agravo de instrumento da Telexfree foi protocolado às 15h15 desta quinta-feira (20). Agora, o pedido será distribuído pela Secretaria Judiciária do TJ a uma das duas Câmaras Cíveis para só então ser analisado por um desembargador. O prazo para análise é de 24 hs.
Portanto, todos os novos cadastros e todos os pagamentos para os associados da TelexFree continuam suspensos em todo o Brasil. Fonte:
Blog do BG

Tradicional Arraia Tio Aluízio 2013

O Tradicional Arraia Tio Aluízio será realizado neste Sábado dia 22 de Junho de 2013, ás 22:00 horas na rua Zacarias Gomes, com o sorteio de 2 Balaios Junino, Bilhetinho 2 reais em prol da Associação Joani de Zacarias, com apresentações de quadrilhas matuta, com premiação para o casal mais matuto, e o casal mais arrumado da festa.
Atração Musical Gil Martins e Banda, a voz mais romântica do forró, haverá barracas com comidas típicas e muito mais.
Ao comprar sua senha você concorre ao sorteio de150 reais, senhas ao preço de 5 reais.
Apoio de Patu
Lava jato do Peixoto, Fred do Posto, Vereador Rubinaldo Maia, Neto do Gesso, Suetone Moura Presidente da Câmera Municipal, Neném de Bua Viagens de Patu a São Paulo, Quadra de Esporte dos Anjos e Mercadinho dos Anjos, Vereadora Cacá de Bodim, Mercadinho do Mimi.
Apoio de Messias Targino
Vereador Rosean, Vereador Neto de Baé, Academia Seu Corpo Em Forma, Vereador Bau, Cosme Gás, Vice-prefeito Pôla Pinto e Rádio Juventude FM.
Venha com sua família e participe do Arraia Tio Aluizio
Realização Associação Joani de Zacarias, Katia Mircherlle e Welton Junior e Equipe Styllus Produções.

quinta-feira, 20 de junho de 2013

'Procurem a Justiça', diz Procon do RN sobre suspensão da Telexfree

Araken Faria orienta os potiguares que entrem com ações na Justiça. Juíza do Acre suspendeu pagamentos e adesões em todo o país.
O Procon do Rio Grande do Norte está orientando os potiguares que entrem com ações na Justiça contra a empresa de marketing multinível Telexfree, cujos pagamentos e novas adesões foram suspensos após determinação da juíza Thaís Borges, da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, no Acre. A decisão foi publicada na última terça (18) e vale para todo o país.
"Ninguém vai receber mais nenhum centavo enquanto o mérito da ação não for julgado. Até lá, minha orientação é que procurem a Justiça para garantir o ressarcimento dos valores investidos”, disse Araken Faria, coordenador do Procon-RN. Segundo ele, não há número oficial de quantos norte-rio-grandenses aderiram à Telexfree.
Ainda de acordo com Araken, a decisão da juíza do Acre foi acertada. “Eu também vejo o Telexfree como pirâmide financeira. Eu sempre orientei as pessoas que não aderissem. Na minha opinião, não é legal”, disse. O coordenador disse que não há reclamações registradas no Procon estadual contra a empresa, mas quem quiser entrar com um uma ação administrativa terá o direito de fazê-lo. “Quem quiser oficializar a queixa, o Procon está de portas abertas. Mas, como eu não vejo a Telexfree como uma empresa com foco na venda de produtos ou serviços, o melhor a fazer é procurar a Justiça para ingressar com uma ação civil contra a própria Telexfree e seus sócios”, argumentou.
A ação
A 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco julgou procedente uma ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Acre e suspendeu os pagamentos e a adesão de novos contratos à empresa de marketing multinível Telexfree até o julgamento final da ação principal, sob pena de multa diária de R$ 500 mil. De acordo com o MPE, os donos da empresa são suspeitos de montar uma pirâmide financeira.
Telexfree tenta reverter decisão
A empresa publicou na tarde desta quarta-feira (19) em seu site um vídeo esclarecendo aos clientes e divulgadores que a empresa ainda não foi notificada oficialmente da decisão mas que está tomando todas as providências para derrubar a liminar da Justiça do Acre.
"A transparência sempre foi e sempre será o fundamento desta empresa. Tomamos conhecimento pela mídia, ainda não fomos comunicados oficialmente da íntegra da decisão. O jurídico está trabalhando para derrubar a liminar," informa Carlos Costa, diretor de marketing da Telexfree.
O advogado da empresa, Horst Fouchs, está atualmente em Rio Branco para acompanhar o caso. "Estamos conhecendo o processo para nós então tomarmos as medidas necessária. Depois que estivermos totalmente interados do processo, podemos ate nos manifestar de uma forma mais completa", afirmou Fouchs.
Fonte: G1 RN

Acidente deixa sanfoneiro da Banda Magnificos em estado grave

É grave o estado de saúde do sanfoneiro da Banda Magníficos, Silone Chaves, que perdeu o controle da motocicleta e caiu na madrugada desta quarta-feira (19), no Cariri paraibano.
De acordo com informações da Polícia Militar de Monteiro, o músico estava na cidade de Prata e se deslocava para Ouro Velho, quando perdeu o controle da direção e derrapou na pista.
Silone Chaves teve várias fraturas pelo corpo e foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Monteiro por uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas devido à gravidade dos feridos foi transferido para o Hospital de Trauma de Campina Grande.
Segundo a assessoria de imprensa do Trauma-CG, o paciente foi submetido a exames de tomografia no Hospital Antônio Targino e vai ser submetido a uma nova avaliação médica no Trauma-CG. “Depois de uma avaliação médica, o músico deverá ficar em uma das alas do hospital”, disse a assessoria.
Fonte: De Olho no Cariri

Acidente com ônibus da Banda Canários do Reino

Uma colisão entre um ônibus da banda de forró Canários do Reino e um veículo gol na noite do último domingo, 16, por volta das 21h, no km 57 da BR-116, acabou na morte do motorista do veículo, que ficou preso nas ferragens. O acidente aconteceu próximo ao município de Pacajus, a 49,1 km de Fortaleza. A mulher e a filha do motorista ficaram gravemente feridas.
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima foi identificada como Francisco Erivaldo Justino. A PRF informou ainda que no onibus haviam 30 pessoas, além do motorista. Nenhum passageiro do ônibus ficou ferido. Segundo a Polícia Militar, o acidente teria sido causado por uma ultrapassagem perigosa.
Fonte: Acopiara.com

Ônibos da Banda Talismã capota na estrada da PB

Um grave acidente foi registrado na tarde deste sábado, dia 15, por volta das 16:30h na Serra de Teixeira - PB. De acordo com informações cerca de oito pessoas ficaram feridas durante o tombamento do ônibus da Banda Forrozão Talismã. 22 pessoas estavam no ônibus no momento do sinistro.
Várias viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU e do Corpo de Bombeiros foram deslocadas até o local do acidente. As vítimas tiveram escoriações, mas nenhuma delas corre risco morte.
De acordo com informações do motorista, problemas nos freios teriam causado o acidente. A habilidade do condutor evitou que o ônibus caísse na ribanceira, pois o motorista teria percebido há tempo e apenas o tombamento ocorreu.
A Banda Forrozão Talismã estava vindo da cidade de Maceió – Alagoas com destino a cidade de Nova Olinda – PB onde faria apresentação. Todos os feridos foram removidos para o Hospital Regional de Patos.
Fonte: Patos Online

Dilma ‘massacra’ Eduardo Campos ao lado de Pernambuco

Presidente tem 75% das intenções de voto em Alagoas, contra 3% do governador do PSB
Uma pesquisa de opinião eleitoral em Alagoas demonstra como será duro em 2014 o projeto eleitoral do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). No Estado de Alagoas, vizinho ao seu, ele registra meros 3% de intenção de voto para presidente. Dilma Rousseff (PT) tem 75%. Marina Silva (Rede) pontua 5%. Aécio Neves (PSDB), só 2%.
O levantamento foi realizado pelo instituto Ibrape nos dias 16 a 19 de maio com 2 mil pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.
Um dos possíveis trunfos de Eduardo Campos como candidato a presidente é ser do Nordeste. Ocorre que até agora ele parece ainda ter um prestígio apenas circunscrito ao seu próprio Estado, Pernambuco.
Nessa pesquisa também é avaliado o quadro da sucessão estadual em Alagoas. O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), aparece como favorito em todas as simulações, pontuando de 44% a 55%, dependendo de quem são seus adversários. Mas Renan tem dúvidas se deseja se candidatar e se esse seria o passo correto para sua carreira política –ele teve um grande revés em 2007, quando precisou renunciar à presidência do Senado, sob acusações de aceitar recursos de uma empreiteira. O caso até hoje está parado na Justiça, mas o peemedebista foi absolvido pelos colegas no Congresso.
Uma possibilidade é Renan escalar um filho seu para ser o candidato a governador de Alagoas em 2014. No momento, esse Estado é governado por Teotônio Vilella (PSDB), que está no segundo mandato e não pode disputar a reeleição. Os outros nomes que podem estar na disputa são Renan Filho (PMDB), com 31% na pesquisa; Benedito de Lira (PP), com 19% a 22%, e Thomaz Nonô (DEM), com 5% a 12%.
Fonte: Fernando Rodrigues

Músicos brasileiros aderem às gravações em EP, formato novo no mercado nacional


Artistas brasileiros têm apostado no EP (sigla de "extended play"), que nada mais é do que um CD com menos músicas, uma novidade no mercado brasileiro, mas um formato consolidado já há muitos anos no exterior.
Nomes como Luan Santana, Paula Fernandes e Fafá de Belém lançaram músicas em EPs neste ano.
Lançamentos de gravações em formatos não convencionais estão em alta
A venda de CDs caiu 12,45% em 2012, na comparação com o ano anterior, segundo a Associação Brasileira de Produtores de Discos. A queda de faturamento das vendas de formatos físicos --juntos, CD, DVD e Blu-ray caíram mais de 10%-- só não foi maior graças ao fenômeno "Esse Cara Sou Eu", de Roberto Carlos. A música, até então inédita, foi lançada junto de outras três, no formato EP.
O CD encolhido de Roberto foi vendido a R$ 9,90 e ultrapassou 2 milhões de cópias vendidas desde 2012.
"O sucesso do Roberto abriu esta possibilidade para outros artistas", diz Paula Fernandes, a maior vendedora de DVDs musicais no país.
A cantora sertaneja lançou este ano o EP "Um Ser Amor", puxado pela música homônima, tocada na novela "Amor à Vida", da Globo, e que saiu com tiragem de 50 mil cópias.
Fafá de Belém lança agora "Amor e Fé", com quatro canções religiosas. "Quando Roberto lança um EP, 'desmitifica' e manda abaixo qualquer crítica em relação a esse formato", diz Fafá.
CUSTO E ITUNES
Há várias razões para um músico optar por um EP em vez de um CD convencional. Uma delas é a redução no preço da produção e, consequentemente, em um preço final menor para o consumidor, o que facilita a venda.
No Brasil, até pouco tempo era comum o artista em início de carreira --sem gravadora e sem recursos financeiros-- lançar EPs como forma de divulgar seu trabalho.
Depois, partia para o CD, como ocorreu com a Orquestra Imperial e, mais recentemente, com a banda Holger e com o capixaba Silva.
Outros artistas encontram no EP uma solução para fazer com que uma música que tenha estourado, lançada isoladamente --como o "single", consolidado nos Estados Unidos--, saia no formato físico.
São os casos de Paula Fernandes, com o sucesso na novela, e de Luan Santana, com "Te Esperando", cujo clipe teve mais de 13 milhões de visualizações no YouTube.
"O fato de o Roberto ter lançado o EP com um hit mostrou para o público que vale a pena. O Rei abriu as portas para outros artistas. É uma ideia da gravadora que pode ser uma tendência de mercado", diz Luan Santana.
"Em virtude da novela, começamos a ter uma demanda grande dos fãs e nas rádios. Os EPs se tornaram uma boa solução para casos como esses, mas não consigo enxergar o formato como substituto do CD cheio", diz Paula Fernandes.
Além deles, de 2012 para cá artistas como Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Victor & Léo, Jota Quest, Agridoce (projeto de Pitty com o guitarrista Martin), Sandy, Clarice Falcão, Madrid e MC Anitta, entre outros, lançaram EPs.
Um dos aspectos que contribuíram para o fortalecimento dos EPs foi a chegada do iTunes (loja de discos e vídeos da Apple) no Brasil, em 2011.
Como os EPS têm poucas músicas, algumas pessoas preferem comprá-las apenas no formato digital. Dos mais de 2 milhões de cópias de "Esse Cara Sou Eu", mais de 500 mil são do iTunes.
RESPOSTA RÁPIDA
Outro artista que lançou um EP este ano foi Tom Zé, em caso bem diferente dos outros. A intenção do compositor baiano ao apostar no formato enxuto foi a de dar uma resposta ao público, não por algum hit, mas por críticas recebidas em redes sociais.
Tom Zé, criticado por ter feito a locução de um comercial da Coca-Cola, lançou o EP "Tribunal do Feicebuqui" para responder aos ataques com rapidez, sem perder o "timing" do debate.
Fonte: LUCAS NOBILE DE SÃO PAULO

Empresa de Marketing Multinível Telexfree é interditada judicialmente em todo o Brasil

O Diário de Pernambuco informa que a Ympactus Comercial Ltda, mais conhecida como Telexfree, está interditada judicialmente em todo o Brasil. A empresa de marketing multinível está proibida de efetuar novos cadastros de divulgadores e de efetuar pagamentos aos divulgadores já cadastrados, sob pena de multa diária de R$ 100 mil por cada novo cadastro ou pagamento. No Rio Grande do Norte, segundo dados recentes, cerca de 75 mil potiguares integram o grupo.
A decisão é da juíza Thaís Khalil, titular da 2ª vara cível do Rio Branco, no Acre. O Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC), por intermédio da Promotoria de Defesa do Consumidor e Promotoria de Defesa dos Direitos Humanos, foi o autor da medida cautelar preparatória de ação civil pública contra a Telexfree. A empresa tem cinco dias para apresentar sua defesa e 10 dias para recorrer à segunda instância.
A decisão da juíza ainda determinou o congelamento dos bens e o bloqueio de valores existentes em contas bancárias e aplicações financeiras da Telexfree, assim como os de seus sócios, Carlos Roberto Costa e Carlos Nataniel Wanzeler. Khalil acrescentou na setença que, até amanhã, a Telexfree será obrigada a exibir em seu site, por meio de pop-up um cartaz informando seus divulgadores sobre o conteúdo da liminar, sob pena de R$ 500 mil por dia caso não cumpra o estabelecido.
Blog da Glaucia Lima/ISMAEL SOUSA

Segundo o Minitério Público Federal A Telexfree é Um Golpe Conhecido Como Pirâmide Financeira

O Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC), por intermédio da Promotoria de Defesa do Consumidor e Promotoria de Defesa dos Direitos Humanos, ingressou com uma medida cautelar preparatória de ação civil pública em desfavor da empresa Ympactus Comercial Ltda., conhecida pelo nome fantasia Telexfree. Segundo os Promotores Nicole Gonzalez Colombo Arnoldi e Marco Aurélio Ribeiro, a empresa utiliza a prática de pirâmide financeira.
De acordo com as investigações, a Telexfree, que alega ser uma empresa de marketing multinível, na verdade é um golpe conhecido como pirâmide financeira, o qual, por ser insustentável e causar prejuízos a muitas pessoas, é ilegal. Pelo método adotado, para se cadastrar, os pretensos divulgadores precisam investir para garantir a adesão. Cada novo membro compra um ‘pacote’ que remunera os membros que estão acima na cadeia.
“O que difere o marketing multinível das pirâmides financeiras é que no primeiro, o foco é a venda de produtos; enquanto que no outro, o foco é o recrutamento de pessoas para investirem mais. No marketing multinível real,remunera-se apenas as vendas realizadas pelo recrutado e nunca o puro e simples recrutamento”, explicam os Promotores.
Ainda de acordo com a ação, nas pirâmides financeiras, a venda do produto ou serviço é apenas uma forma de mascarar o golpe. No caso da Telexfree, que não está cadastrada na Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD), a empresa atua com prestação ou venda de serviços de telefonia VoIP (por meio da internet). Para se tornar um divulgador, o novo membro compra determinado pacote de contas, de acordo com o plano que aderir, mas independente de ele vender ou não esse serviço, ele ganhará dinheiro se conseguir recrutar outras pessoas para fazer novos investimentos, e se postar anúncios em sites previamente estabelecidos pela Telexfree.
Divulgadores são obrigados a comprar contas no atacado
Nesse contexto, para se tornar um divulgador, é necessário comprar um pacote de contas VoIP no atacado. Mas quando vai vender, basta apenas fazer o cadastro do cliente no site e este realizar o download do software. Dessa forma, não é necessário possuir estoque para entrega imediata do serviço ao consumidor final.
Para o Ministério Público, a explicação lógica de se exigir que os divulgadores adquiram kits de contas Telexfree é, na verdade, mascarar o pagamento pelas novas adesões ao esquema.
Outra estratégia usada para mascarar a pirâmide é incentivar a divulgação, principalmente pela internet. Nos sites de empresas de vendas diretas, o foco é o produto, já na página da Telexfree na internet, o desta que é para a seguinte mensagem: “Ganhe dinheiro postando”, com a clara intenção de recrutar novos investidores.
Para o MP/AC, como se não bastasse a incoerência em se adotar o marketing multinível sem se preocupar com a venda dos produtos, as postagens dos anúncios não têm propósito algum, já eles [os anúncios] são os que a própria empresa disponibiliza, e os sites nos quais as postagens poderão ser feitas são somente os listados na própria página da Telexfree.
O fato de que o contrato da Telexfree permita a recompra pela empresadas contas que não forem vendidas também comprova de forma contundente a fraude. Ocorre que a conta VoIP nada mais é do que um serviço de comunicação sobre IP disponibilizado com um software baixado do site da empresa. Assim, a Ympactus não precisa recomprar as contas para revendê-las a consumidores; basta apenas disponibilizar o software para ser baixado, sem pagar nada aos divulgadores.
O despropósito
O divulgador que possui a maior rede da Telexfree no Acre revelou ao MP/AC que, no Estado, deve haver cerca de 70 mil pessoas cadastradas. Na hipótese de cada pessoa cadastrada ter aderido ao menor plano (10 contas VoIP), serão 700 mil contas para serem vendidas no Acre. Segundo o IBGE, em 2012, o Acre possuía 758,78 mil habitantes.
Por outro lado, levando-se em consideração que muitos divulgadores aderiram ao plano com maior número de contas, a conclusão é que existem no Estado mais contas para serem vendidas do que habitantes. Portanto, faltarão consumidores para adquirir o produto em questão e pessoas interessadas em entrar no negócio, o que vai levar a quebra da cadeia, que sobrevive de novos investidores. Por isso, a prática não é sustentável no longo prazo, o que seria mais uma evidência de que se trata de uma pirâmide financeira.
Na pirâmide financeira, o divulgador faz um pagamento para se associar ao sistema e tem a promessa de recompensa vinda do recrutamento de outras pessoas que, por sua vez, deverão recrutar outras. No final, o dinheiro percorre a pirâmide, e apenas os indivíduos que estão na ponta do negócio, o idealizador e alguns investidores ganham. As pessoas que estão na base do esquema assinam o plano, mas não terão como recrutar seguidores.
A decisão
Titular da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, a juíza Thaís Queiroz Borges de Oliveira Abou Khalil, deferiu o pedido do MP/AC e determinou que sejam vedados novos cadastros de divulgadores, bem como se impeça a empresa requerida de efetuar pagamentos aos divulgadores já cadastrados, até o julgamento final da ação principal, sob pena de multa diária de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais).
Em sua decisão, a magistrada considera que “os fundamentos exarados na presente decisão concluíram pela forte presença de indícios no sentido de que as atividades da primeira requerida caracterizam-se com ‘pirâmide financeira’, prática vedada pelo ordenamento jurídico, que inclusive a tipifica como conduta criminosa. Portanto, há urgência em paralisar-se o crescimento da rede, como forma de evitar-se seu esgotamento e consequentes prejuízos que poderá causar a um sem número de pessoas”.
A Telexfree deverá se abster de admitir novas adesões à rede, seja na condição de “partner” ou de “divulgador”, abstendo-se, para tanto, de receber os ditos Fundos de Caução Retornáveis e Custos de Reserva de Posição e de vender kits de contas VOIP 99 Telexfree (AD Central ou AD Central Family), sob pena de pagamento de R$100.000,00 (cem mil reais) por cada novo cadastramento ou recadastramento.
Ficam proibidas as vendas de kits de contas VOIP 99 Telexfree nas modalidades ADCentral e ADCentral Family; estão vedados também os pagamentos, aos partners e divulgadores, de comissões, bonificações e quaisquer vantagens oriundas da rede Telexfree (decorrentes de vendas de contas VOIP 99 Telexfree, de novos cadastramentos, de postagens de anúncios, de formação de binários diretos ou indiretos, de royalties, de Team Builder, entre outras. O descumprimento a qualquer das determinações acima enseja o pagamento de multa de R$100.000,00 (cem mil reais) por cada novo cadastramento ou recadastramento e por cada pagamento indevido.”
Além disso, a empresa deverá disponibilizar na página www.telexfree.com, no prazo de dois dias, um “pop-up”, informando sobre a decisão judicial. A Ympactus terá ainda que modificar seu sistema, de modo a não permitir novos cadastros através dos “back offices“, sob pena de multa diária de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais).
“(…) o que se percebe de sua atividade prática são fortes indícios de prática ilícita e quiçá criminosa, apta a atingir negativamente a milhares de pessoas, não apenas no Estado do Acre, mas em todo o Brasil e também em outros países onde já há participantes da rede que construiu (vide depoimento de Shawke Lira Sandra), aparentemente sob a forma de marketing multinível, mas em verdade com fortes características de ‘pirâmide financeira’”, ressalta a juíza.
A magistrada determinou ainda, a indisponibilidade de todos os bens móveis, imóveis e valores existentes em contas bancárias e aplicações financeiras de propriedade da primeira requerida e de seus sócios administradores, Carlos Roberto Costa e Carlos Nataniel Wanzeler, estendendo a decisão, quanto aos imóveis destes últimos, também aos seus respectivos cônjuges; e o bloqueio de valores existentes em contas bancárias e aplicações financeiras mantidas por Ympactus Comercial Ltda., Carlos Roberto Costa e Carlos Nataniel Wanzeler, através da expedição de ofício ao Banco Central do Brasil.
Também foi determinado à empresa a apresentação em juízo, no prazo de dez dias, sob pena de multa diária de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais).
Fonte: O Rio Branco Net

terça-feira, 18 de junho de 2013

Brasileiros tomam as ruas do país contra corrupção e gastos públicos para a Copa

Uma série de manifestações mobilizou milhares de brasileiros em diferentes cidades do país nesta segunda-feira (17). Em São Paulo, os protestos reuniram pelo menos 30 mil pessoas.
No Rio de Janeiro, ainda não há estimativas oficiais, mas a Cinelândia ficou tomada de manifestantes. Em Belo Horizonte, entre 18 mil e 20 mil pessoas.
Em Brasília, cerca de 10 mil pessoas estão concentradas na Esplanada dos Ministérios e parte dos manifestantes chegou a subir a rampa e está neste momento na cobertura do Congresso Nacional.
Com o mote “Não são apenas 0,20 centavos”, além de se posicionar contra o preço do transporte público, os protestos criticaram a condução da política brasileira, a corrupção, os gastos públicos com as obras para as copas das Confederações e do Mundo de 2014.
As manifestações começaram a tomar corpo na última semana após as ações da Polícia Militar (PM), em São Paulo, que reagiram aos manifestantes contrários ao aumento da tarifa de transporte público na capital paulista. O episódio levou a Defensoria Pública do Estado de São Paulo a questionar a atitude da PM.
Em São Paulo, os manifestantes se concentraram no Largo da Batata e depois ocuparam as oito faixas da Avenida Brigadeiro Faria Lima.
Ao contrário do que ocorreu na última manifestação, na quinta-feira (13) – quando a presença da PM foi ostensiva – ativistas e policiais entraram em acordo e, até o momento, não houve registro de conflito.
No Rio de Janeiro, as dezenas de milhares de manifestantes marcharam pela Avenida Rio Branco e se dirigiram à Cinelândia, na região central da cidade, onde ocuparam as escadarias da Biblioteca Nacional e da Câmara de Vereadores. De lá, seguiram pela Avenida Almirante Barroso em direção à Avenida Presidente Antonio Carlos até a Assembleia Legislativa do Estado (Alerj). Houve confronto com a polícia e algumas pessoas queimaram um carro e depredaram uma viatura da PM.
Na capital mineira, a concentração do protesto teve início na Praça 7, no centro da capital. De lá, os manifestantes se dirigiram à Arena Mineirão, onde foi disputada nesta segunda a partida entre Nigéria X Taiti, pela Copa das Confederações.
Em Brasília, o protesto começou às 17h. Os manifestantes se concentraram em frente ao Museu da República e, de lá, marcharam em direção ao Congresso Nacional, na Esplanada dos Ministérios. No momento, eles estão na cobertura do Congresso e tomam também o gramado em frente ao Parlamento.
Apesar do caráter pacífico das manifestações, ressaltado pela palavra de ordem “Sem violência”, entoada em todos os protestos, confrontos entre policiais e manifestantes foram registrados em Belo Horizonte, em Brasília e no Rio de Janeiro.
Também houve registro de protestos em Fortaleza, em Curitiba, em Porto Alegre, em Salvador, em Belém e Campinas. Nós próximos dias, as manifestações, convocadas por meio das redes sociais, devem prosseguir.
Da Agência Brasil

Governadora Rosalba diz que 'manifestações são prova do fortalecimento da democracia'

A governadora Rosalba Ciarlini, em nota divulgada pela Assessoria de Comunicação, diz que os mobilizações nas ruas, que nasceram a partir das redes sociais, é uma prova do fortalecimento da "nossa jovem democracia".
Confira abaixo:
“Vejo os movimentos sociais que estão acontecendo por todo o País como uma prova do fortalecimento da nossa jovem democracia.
No Rio Grande do Norte não será diferente, até pelo histórico de ser um Estado que sempre lutou pelas liberdades.
A minha orientação à Polícia é no sentido de manter a paz, de proteção às manifestações democráticas, garantindo a liberdade de manifestação do pensamento", afirmou a governadora Rosalba Ciarlini.
Fonte: DeFato

Em discurso sobre protestos, Dilma elogia manifestantes, PM e próprio governo

Em discurso em cerimônia no Palácio do Planalto na manhã desta terça-feira (18), a presidente Dilma Rousseff disse que o Brasil "acordou mais forte" depois dos protestos que ocorreram em dezenas de cidades na segunda-feira. Ela elogiou os manifestantes, a polícia, por não ter cometido excessos, e fez um autoelogio ao seu governo.
"O Brasil hoje acordou mais forte. A grandeza das manifestações de ontem comprovam a energia da nossa democracia. A força da voz da rua e o civismo da nossa população. É bom ver tantos jovens e adultos, o neto, o pai, o avô juntos com a bandeira do Brasil cantando o Hino Nacional, dizendo com orgulho eu sou brasileiro e defendendo um país melhor. O Brasil tem orgulho deles."
"Essas vozes, que ultrapassam os mecanismos tradicionais, os partidos políticos e a própria mídia, precisam ser ouvidas", afirmou em discurso durante lançamento do novo marco da mineração no Brasil.
"A minha geração sabe quanto isso nos custou. Eu vi ontem um cartaz muito interessante que dizia: 'Desculpe o transtorno, estamos mudando o país'. Quero dizer que meu governo está ouvindo essas vozes por mudanças", afirmou.
A presidente louvou o caráter pacífico das manifestações, inclusive da parte da Polícia Militar, mas observou que os "atos isolados de violência contra pessoas e patrimônio" deveriam ser punidos. "O caráter pacífico dos atos de ontem evidenciou também o correto tratamento dado pela segurança pública à livre manifestação popular. Conviveram pacificamente. Infelizmente, é verdade, ocorreram atos minoritários isolados de violência contra pessoas e contra o patrimônio público e privado, que devem condenar e punir com rigor. Toda violência é destrutiva."
Segundo ela, porém, a violência "não ofuscou o espírito pacífico das pessoas que foram às ruas pacificamente pedir pelos seus direitos".
Dilma elencou ainda os diversos motivos que levaram milhares de pessoas às ruas de várias cidades do Brasil ontem.
"A mensagem direta das ruas é por mais cidadania, por mais escolas, melhores hospitais, direito de participação. Essa mensagem das ruas mostra a exigência de melhorias no transporte a preço justo, e o direito de influir nas decisões de todos os governos. Essa mensagem das ruas é de repúdio à corrupção e ao uso indevido de dinheiro público e comprova o valor intrínseco da democracia, da participação dos cidadãos por seus direitos."
Ontem, em breve nota oficial, a presidente Dilma Rousseff defendeu as manifestações, desde que pacíficas. "As manifestações pacíficas são legítimas e próprias da democracia. É próprio dos jovens se manifestarem", afirmou a presidente em texto divulgado pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.
Mais cedo, em audiência no Senado, o ministro Gilberto Carvalho, um dos assessores mais próximos de Dilma, havia afirmado que o governo "não entendeu" o funcionamento dos novos protestos. "Não conseguimos entender o que está ocorrendo ainda. São novas formas de organização de mobilização que ainda não compreendemos".
Fonte: UOL

Protestos contra o aumento da tarifa do transporte coletivo

A insatisfação que levou milhares às ruas em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e várias grandes cidades nos últimos dias, em manifestações que resultaram em inúmeros atos de violência, depredação e confrontos com a polícia, vai além do descontentamento com a elevação na tarifa do transporte público. E no momento em que o Brasil está sob os holofotes às vésperas de receber grandes eventos internacionais, o movimento ganha corpo e se espalha por outras capitais do país.
Em Brasília, segundo a Polícia Militar, cerca de 10 mil pessoas participaram da manifestação nesta segunda, com um leque de reivindicações bastante amplo. Os manifestantes ocuparam a marquise do Congresso Nacional por cerca de cinco horas.
Um dos organizadores do evento no Facebook entregou à polícia legislativa uma lista de reivindicações. Entre os itens, há um pedido para que a Câmara abra investigação sobre a violência policial contra os manifestantes.
Desde a semana retrasada, manifestantes de São Paulo, em sua maioria jovens e estudantes, têm protestado contra o aumento de 20 centavos nas tarifas do transporte público em São Paulo --foi de R$ 3 para R$ 3,20. Autoridades descartam rever o preço e argumentam que o reajuste, inicialmente previsto para janeiro, foi postergado para junho e veio abaixo da inflação.
Logo os atos começaram a se espalhar por outras capitais e grandes cidades do país, incluindo outros pontos de insatisfação na pauta de protesto.
Fonte: UOL

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Polícia apresenta suspeito de matar criança em Mossoró

A Polícia Civil de Mossoró apresentou na tarde de ontem (12) Alysson Kleyton Dantas de Oliveira, que é apontado pelas investigações como o autor dos disparos que atingiram a menina Deyse Kelly Félix da Silva, de apenas dois anos, na noite do dia 24 de maio no bairro Santo Antônio. O suspeito de 19 anos de idade foi detido nessa quarta-feira no município de Currais Novos após um intenso trabalho de apuração policial.
Depois de ser preso na cidade seridoense, Alysson foi conduzido para a Delegacia de Homicídios de Mossoró, com o fim de ser ouvido pelo delegado Roberto Moura, titular da Dehom. Segundo a polícia, o suspeito foi detido em Currais Novos, onde estava escondido desde o dia do crime. Ele foi localizado por policiais da Especializada após investigações que estavam em andamento desde o dia do crime.
“Após o ocorrido, ouvimos depoimentos que apontavam o nome dele e que diziam que ele não estaria mais em Mossoró”, contou Roberto Moura, destacando que não poderia dar mais detalhes das circunstâncias da prisão para não atrapalhar as investigações. Contra Alysson, havia um mandado de prisão em aberto expedido pela 1ª Vara Criminal.
Ainda de acordo com o titular da Dehom, o suspeito poderá ainda ser indiciado em até dois homicídios e uma tentativa ocorrida na noite do último dia 24 de maio. O delegado contou que Alysson negou envolvimento com o crime e que ele seria ouvido ainda na tarde dessa quarta-feira. Roberto informou também que a arma do crime não foi encontrada e que as circunstâncias da morte de Dayse serão investigadas pela 2ª DP, como a hipótese de ter ocorrido omissão de atendimento médico.

Começa hoje a temporada do 'Chuva de Bala no País de Mossoró'

No dia 13 de junho de 1927, Mossoró viveu um dos episódios mais célebres de sua história: resistiu com bravura à invasão do bando de Lampião. Nesta quinta-feira, 13, data em que o notável feito completa 86 anos, estreia a 11ª edição do Chuva de Bala no País de Mossoró, espetáculo que narra esse acontecimento pioneiro.
O Adro da Capela de São Vicente, cenário real da batalha travada entre cangaceiro os e resistentes, é mais uma vez o palco da encenação. Para esta temporada, o diretor João Marcelino preparou algumas novidades. O ator Romero Oliveiro, da Cia Pão Doce de Teatro, dará vida ao temido Lampião.
O professor Aécio Cândido volta a interpretar o prefeito Rodolfo Fernandes, líder da ofensiva local.
Três palhaços – um mossoroense, um carioca e uma baiana – apresentarão o espetáculo ao público, revezando suspense e diversão. As dunas da praia de Areias Alvas, em Tibau, serviram de cenário para as gravações de imagens que vão enriquecer a encenação.
Consagrado pelo público e pela crítica, o Chuva de Bala no País de Mossoró será apresentado de quinta a domingo, até o dia 30 de junho, sempre às 21h.

Ministro da Saúde autoriza a contratação de 56 leitos de UTI no Rio Grande do Norte

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, garantiu à governadora Rosalba Ciarlini, que o Governo Federal vai autorizar o credenciamento de mais 56 leitos de UTI pelo Sistema Único de Saúde (SUS), como também vai mandar mais dez ambulâncias para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).
Ficou decidido que a partir de julho o SAMU será implantado nos municípios de Currais Novos e Caicó.
Padilha recebeu em audiência, ontem (12), a governadora, o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves e o ministro da Previdência, Garibaldi Filho. Os secretários de Saúde, Luiz Roberto Fonseca, e do Planejamento, Obery Rodrigues, também participaram da audiência.
A governadora também encaminhou pleito da Liga Norte-rio-grandense Contra o Câncer, cuja diretoria estava presente na audiência, para a ampliação do hospital. Essa é uma reivindicação que a diretoria luta há vários anos. Rosalba também solicitou ao ministro Padilha recursos para a ampliação dos serviços de oncologia do hospital de Mossoró.
O ministro da Saúde ainda assumiu o compromisso de liberar recursos para o funcionamento das Unidades de Pronto Atendimento da Cidade da Esperança, de Macaíba e de Mossoró.

Ministério Público denuncia mais quatro pessoas na adulteração de leite

Mais quatro pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS) por suspeita de envolvimento no esquema de adulteração de leite, revelado na Operação Leite Compensado, deflagrada em maio.
De acordo com o MPRS, três deles foram denunciados sete vezes pelo crime de adulteração ou falsificação de produto alimentício destinado a consumo, tornando-o nocivo à saúde ou reduzindo-lhe o valor nutritivo. A quarta pessoa foi denunciada por formação de quadrilha, crime pelo qual os quatro devem responder.
Segundo as investigações, o grupo integra o núcleo baseado no município de Rondinha, alvo da segunda etapa da operação. Na cidade, 11 laudos do Ministério da Agricultura, feitos entre fevereiro e maio, confirmaram a presença de formol no leite cru, somando um total de 113 mil litros impróprios para o consumo.
Em nota, o MP informou que, entre os denunciados, estão um sócio proprietário de empresa de transporte de leite de Rondinha, um motorista contratado por ele, um técnico e uma funcionária de uma cooperativa paranaense. As investigações indicam que os dois primeiros eram os responsáveis pelo esquema de adulteração do leite cru e que a funcionária da cooperativa dava suporte e apoio logístico ao esquema, inclusive alertando os motoristas dos caminhões sobre fiscalizações do Ministério da Agricultura.
Por ter colaborado com as investigações, entregando de forma espontânea as notas fiscais que comprovam as operações de venda do leite adulterado por ele, o proprietário da empresa de transporte deve receber o benefício da delação premiada, requerido pelo MPRS à Justiça. Além disso, o Ministério Público informou que o técnico, detido no presídio de Espumoso (RS), e a funcionária da cooperativa, já haviam sido denunciados pelos mesmos crimes na Comarca de Ibirubá, durante a primeira fase da Operação Leite Compensado.
O órgão estima que, entre 23 de janeiro e 30 de abril deste ano, aproximadamente 1 milhão e 549 mil litros do produto fraudado foram enviados à cooperativa, com sede em Pato Branco, no Paraná. Até agora, 20 pessoas foram denunciadas por suspeita de envolvimento no esquema.

Após sofrer maus-tratos e perder pata, vira-latas conquista jovens na zona norte

Caso alguém decida fazer uma visita à escola municipal Romão Gomes, no Parque Novo Mundo, na zona norte de São Paulo, no período da tarde, vai ser recebido, em primeiro lugar, por um cão vira-latas de três patas batizado pelas crianças de Snoopy.
Todos os dias, com faltas eventuais apenas por questões amorosas, o cachorro aguarda os garotos Felipe Alves Nunes, 14, e Evandro Pereira Santos, 13, saírem do compromisso escolar para acompanhá-los de volta para casa, em um conjunto residencial Cingapura, pouco menos de um quilômetro dali.
O cachorro mora na rua, em frente ao prédio onde vive a dupla, e se alimenta graças à ajuda "de todo mundo que dá uma coisinha".
Felipe acredita que o chamego do cão com ele e com o amigo Evandro veio após eles terem dado "duas salsichas saborosas" ao bicho.
"Ele é meu melhor amigo. Reconheço o esforço que faz, todos os dias, andando 850 metros só para ficar me esperando. Retribuo brincando, jogando bola e fazendo carinho nele", diz Felipe.
A história de amor entre Snoopy e os meninos começou há dois anos, antes de o cão ter sofrido a amputação devido a maus-tratos.
"O cachorro desapareceu por um tempo e todos na escola acharam estranho. Só ficamos sabendo de tudo o que tinha acontecido quando ele retornou à rotina, já sem a patinha da frente", afirma a diretora, Tânia Carmona.
Quando sumiu, Snoopy só foi encontrado após uma busca que envolveu estudantes e moradores do bairro. "Encontramos ele muito machucado. Ele me viu e parecia que pedia para eu ir embora porque queria morrer sozinho. Foi muito triste", lembra Felipe, estudante da oitava série.
Moradores e alunos fizeram uma vaquinha e conseguiram arrecadar o valor de R$ 2.000 para os cuidados veterinários emergenciais para o cachorro.
Em poucas semanas, o vira-lata sorridente -meio branco, meio caramelo- estava recuperado, mas tendo de conviver com uma deficiência: andar sem a pata esquerda dianteira.
"Para mim, ele ter só três patas não faz diferença nenhuma. Só no começo, que ele andava um pouco mais devagar, mas, agora, é quase normal. O meu amor por ele é igual", conta Evandro.
Apesar de os alunos conhecerem o cachorro "da portaria", poucos sabiam de sua saga, que só ficou popular após a publicação dos detalhes em um blog do colégio.
"A história do Snoopy é próxima da vida da gente, não é conto de fadas. Todo o mundo se emociona com a vontade dele de continuar vindo com os meninos", conta Giovanna Lemos, 12.
"O cachorro ultrapassou a função dos nossos projetos pedagógicos e mexeu com o emocional das crianças, que vivem uma realidade muito dura no bairro, muitas vezes de pobreza, de violência", declara Ana Paula Faria, professora de informática educativa do colégio.
O cachorro só sai da portaria durante o período de aula em três situações: quando vê um dos garotos na quadra de esporte e começa a latir em desespero, quando consegue driblar os funcionários para ficar babando na janela da sala de aula dos meninos e para acompanhar a dupla de volta para casa.
Para a assistente de diretoria Marisa Testone, os detalhes da história do cachorro "despertaram um sentimento de união entre os alunos".
Snoopy também virou tema de exposição de cartazes feitos na escola. Os alunos descreveram em desenhos seus sentimentos pelo bicho.

domingo, 9 de junho de 2013

MARTINS/RN: RÁDIO VIDA DE LUTO - MORRE MARLI SILVA

 
Aos prantos, o locutor José Nilson, transmitiu a dura notícia aos ouvintes da rádio espalhados pelo mundo inteiro, onde informava a cerca do inesperado falecimento da jovem e sua parceira de profissão há 17 anos, a locutora MARLI SILVA.
Muito emocionado, sem conseguir entender direito o que estava acontecendo, José Nilson tentou repassar que MARLI havia falecido a pouco, no final desta manhã de domingo, 09/06, logo após dar a luz, de forma prematura, a sua segunda filha. Ele afirmou que a criança foi salva, mais necessita de cuidados médicos especiais.
O Pe. Walter Kollin, com quem MARLI SILVA trabalhou logo no surgimento da rádio, via telefone, levou suas palavras de conforto a toda família enlutada.
O rádio potiguar está de luto com a precoce e irreparável perca da excelente locutora MARLI SILVA.

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Polícia elucida morte do advogado Antônio Carlos e prende executor

"Fui enganado, pensava que eu tinha matado um vagabundo. Jamais imaginei que fosse um advogado. Tenho respeito pela classe”. Foi o que disse o Lucas Daniel André da Silva, conhecido como “Luquinha”, assassino confesso do advogado criminalista Antônio Carlos de Souza Oliveira, no fim da manhã de ontem (6), durante coletiva realizada pela Polícia Civil, na Delegacia Geral de Polícia (DEGEPOL).  Ele aponta o comerciante Expedito José dos Santos, conhecido como “Irmão Sérgio”, como mandante do crime e afirma ter sido enganado pelo próprio, ao ter encomendado o homicídio alegando que um “vagabundo” teria derrubado o muro de seu suposto terreno, no município de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. O desfecho da tragédia se deu, principalmente, pela disputa da propriedade, comprada pelo advogado através de uma imobiliária, fato que culminou em desentendimentos entre as partes até as ameaças terem sido concretizadas.
Segundo a Polícia Civil, representada por sua cúpula, além de três delegados da Delegacia Especializada em Homicídios (DEHOM), Raimundo Rolin, Roberto Andrade e Karla Viviane, e o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Rio Grande do Norte, Sérgio Eduardo da Costa Freire, o advogado e o comerciante teriam adquirido o mesmo lote, através de vendedores distintos, e nenhuma das partes cedeu, até que os primeiros desentendimentos começaram e seguidos de fortes ameaças de morte, por parte de Expedito José (FOTO ABAIXO) contra o criminalista Antônio Carlos, vítima do caso.
Durante os esclarecimentos à imprensa, a Polícia Civil afirmou que possui provas de que “Irmão Sérgio”, como era conhecido o comerciante, não se conformou com a derrubada do muro em que ele teria construído, o que teria gerado um prejuízo de R$ 40 mil, em local que ele tinha como objetivo a construção de um supermercado, diante da valorização na área que cresce devido a empreendimentos da Caixa Econômica Federal. “Temos a informação que Antônio Carlos enviou uma mensagem para Expedito dizendo que o seu muro havia sido derrubado. Foi o suficiente para o retorno enfurecido do Irmão Sérgio, que passou a fazer ameaças de morte e a traçar uma estratégia para a morte do advogado”, contou o delegado Roberto Andrade.
A versão foi confirmada pelo autor do homicídio, “Luquinha”, que admitiu que ele e “Irmão Sérgio” passaram a monitorar o advogado por 20 dias, até eles conhecerem a sua rotina e encontrarem o melhor momento para execução: no dia 9 de maio, em um bar localizado no bairro Nazaré, Zona Oeste de Natal. De acordo com o assassino confesso, uma terceira pessoa, conhecida como “Irmão Marcos”, que se encontra foragido, participou do crime levando o veículo Doblô, encontrado no Ceará, na tentativa de ocultação de provas, e reconhecido pelo chassi no vidro, até o estabelecimento comercial. “Circulamos discretamente pelo local, até sentir que tinha condições de descer. Vesti o capuz, entrei no banheiro, onde ele estava e efetuei seis tiros”, disse, ainda afirmando que todo o material para camuflagem, além da arma, foram disponibilizados pelo comerciante Expedito José dos Santos, que também esteve presente na coletiva, mas preferiu se manter calado diante da acusação.
Diante de todas as provas, já estão detidos Expedito José dos Santos e sua esposa, Francinete Andrade Silva, apontada pela Polícia como participante do crime, ao ajudar a destruir o veículo Doblô, que só pôde ser reconhecido como o visto na cena do crime depois do registro do chassi ter sido encontrado no vidro, já que o original havia sido destruído pelos acusados através de maçarico, no interior do Ceará. Já o assassino confesso, Lucas Daniel André da Silva, conhecido como “Luquinha”, preso nessa quarta-feira (6),  sem passagem pela Polícia, continuará à disposição da Delegacia Especializada em Homicídios (Dehom), para novos esclarecimentos, sobretudo, por não estar descartada a possibilidade de outras pessoas estarem envolvidas, seja na ação intelectual ou no interesse da morte do advogado.
Fonte: De Fato

Mutirão contra a Dengue é adiado

A Secretaria de saúde informa que o mutirão contra a Dengue, que seria realizado neste dia 05 de Junho em Messias Targino, foi adiado por motivos maiores e logo será informado a nova data da campanha de combate a Dengue.

Justiça Eleitoral cassa mandatos de prefeito de Fernando Pedroza

A juíza Gabriela Oliveira, responsável pela zona eleitoral do município de Fernando Pedroza, região Central do RN, decidiu por cassar os mandatos de prefeito José Renato da Silva, e da sua vice Adalgiza Patrícia Bernardo Salviano de Macedo, nesta quinta-feira, 6, compra de votos na eleição municipal realizada no mes de outubro de 2012.
Os prefeito e vice cassados também foram multados em R$ 15.961,50 cada. O efeito da decisão é imediato. E como os votos conquistados pelos dois cassados por compra de votos não atingiu 50%, a juíza Gabriela Oliveira determinou a posse do segundo colocado.
No caso, a Justiça eleitoral determinou o segundo colocado na eleição de 2012, Daniel Pereira dos Santos, e seu vice-prefeito Francimagno Alves Batista, compareçam às 10h desta sexta-feira no Cartório Eleitoral para serem diplomados.
A juíza Gabriela Oliveira também determinou que fosse oficializado o presidente da Câmara Municipal de Fernando Pedroza para que os dois sejam, após diplomados, empossados nos respectivos cargos. A decisão pegou a população de surpresa.
Na mesma decisão, a Justiça Eleitoral determinou que cópia do depoimento do eleitor Ubirajara Costa fosse enviado para o Ministério Público do Trabalho, para o caso de entender assim necessário instaurar investigação para apurar quebras de normas trabalhistas.
Os depoimentos das testemunhas Francisca Estevam, também do mesmo processo, devem ser remetidas ao Ministério Público Estadual, que deverá investigar a informação passada pela testemunha de que eram concedidas licenças para fins eleitorais.
A juíza Gabriela Oliveira determinou ainda a remessa dos depoimentos de José Soares Araújo Silva e acareação com o seu filho José Claudio da Silva Soares ao Ministério Público Estadual para, caso entenda necessário, apurar a prática de crime de falso testemunho.
A cassação do mandato de José Renato e Adalgiza Salviano cabe recurso.
Fonte: De Fato