Páginas

segunda-feira, 29 de julho de 2013

MTV ressuscitará em outubro na TV paga tentando atrair ‘geração milênio’


A MTV Brasil será transferida para a TV paga no próximo mês de outubro. O anúncio da migração será feito hoje pelo conglomerado americano Viacom, detentor da marca, que estreou no Brasil em 1990, em sinal aberto.
A música, que está no nome do canal, vai seguir “no DNA da programação”, disse à Folha Sofia Ioannou, diretora geral da Viacom International Media Networks Américas. Mas não na forma do velho videoclipe.
Com foco nos jovens da chamada “geração milênio”, a nova MTV planeja produzir 350 horas de programação brasileira por ano. Serão reality shows e sitcoms nacionais. As principais atrações internacionais vão ser dubladas em português.
O canal aposta em sua habilidade de se comunicar com os jovens para não sucumbir à concorrência da internet.
“O jovem é um público com o qual não se pode falar como professor -porque ele não te escuta- nem como pai e mãe -porque não te dá credibilidade. A MTV aprendeu a falar com os jovens com credibilidade”, afirma Ioannou.
A transmissão da MTV Brasil em sinal aberto era viável graças a um acordo de licenciamento entre o Grupo Abril, que detém uma concessão de TV aberta, e a Viacom.
O fim do contrato foi o desfecho de um longo deficit operacional no braço televisivo da Abril. O sinal deve deixar de ir ao ar em agosto.
A Viacom quer relançar o canal na TV fechada logo em seguida e fixou a data de 1º de outubro para a estreia. A meta é distribuí-lo a uma grande parcela dos seus 16,9 milhões de assinantes.
Sem revelar valores, Ioannou diz que o investimento da Viacom “é o maior feito num canal MTV em um ano nas Américas”. A seguir, a entrevista que a diretora concedeu à Folha por telefone, de seu escritório em Miami.

Cantor Thiaguinho é Diagnosticado com Tuberculose

Foi divulgado o resultado dos exames médicos feito por Thiaguinho . O cantor de pagode, que foi internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, na última quinta-feira (18) e teve alta no domingo (21), está com tuberculose pleural não transmissível.
De acordo com a assessoria de imprensa, o músico passa bem e vai iniciar tratamento específico. A tuberculose pleural afeta a pleura, nome do tecido que reveste os pulmões. A doença causa dificuldade para respirar. Ainda segundo a assessoria do cantor, Thiaguinho segue de licença médica até o próximo dia 04 de agosto.
Confira abaixo o comunicado assinado pelo Dr. David Uip: “O cantor Thiago André Barbosa esteve internado no hospital Sírio-Libanês, submetendo-se à pleuroscopia e broncoscopia. o diagnóstico estabelecido através da técnica de PCR, é de Tuberculose pleural (forma não transmissível). Thiago está bem e iniciará o tratamento específico.”

Representantes de Messias Targino vão participar de Seminário de Formação Intersetorial de gestores estaduais e municipais

Acontecerá nos próximos dias 29, 30 e 31 de julho no Praimar Hotel o "Seminário de Formação Intersetorial do Programa BPC na escola 2013.
O município de Messias Targino estará enviando representantes dos setores de Educação, Saúde, Ação Social e Direitos Humanos para participarem deste seminário.
Eliane Almeida, representará a Ação Social; Regivânia Rodrigues, a educação; Erick Alane, a saúde e Aida Paula, os direitos humanos.
Esta equipe estará atuando como agentes multiplicadores do município e irão receber informações e orientações quanto aos direcionamentos do programa BPC(Benefícios de prestação continuada) na escola do seu município, tais como: realização das capacitações municipais das equipes técnicas e demais rerpesentantes das diferentes instâncias sociais do município.
A programação do seminário conta com apresentação cultural, painéis temáticos e oficinas.
Da Prefeitura Municipal de Messias Targino

Comitiva da Igreja Bíblica da Paz visita município e desenvolveu ações

Uma comitiva da Igreja Bíblica da Paz, com sede em São Paulo, formada por 75 de pessoas estiveram na quarta-feira (25), visitando o município de Messias Targino.
Durante a permanência da equipe foram desenvolvidas várias ações junto a comunidade tanto social como no cultural. A equipe fez distribuição de cestas básicas para os moradores da zona rural e urbana. Já na parte cultural fizeram apresentação de uma peça teatral, na Praças João Jales Dantas.
A Igreja Bíblica da Paz, vem realizando esse trabalho em todas as regiões do Brasil e também na África. No Brasil foi escolhido 6 cidades sendo 3, no estado da Paraíba e 3 no Rio Grande do Norte, entre as três do RN Messias Targino, foi a escolhida.
O objetivo maior dessas visitas, é levar a palavra de Deus a todas as famílias fortalecendo o processo de evangelização.
Em Messias Targino foram distribuídos 5 toneladas de alimentos e foram feita também a distribuição de matérias evangélicos como: Bíblias e CDs.
Do Prefeitura Municipal de Messias Targino

Prefeito Arthur esteve reunido com presidente do TRT/RN para tratar sobre precatórios

O prefeito de Messias Targino, Arthur Targino (PMDB), acompanhado da ex-prefeita Shirley Targino e do assessor Jurídico da prefeitura, o advogado Alcimar Antonio de Souza, estiveram reunidos nesta quinta-feira (25), em Natal, com o presidente do Tribunal Regional do Trabalho, desembargador Junior Rego, onde na oportunidade conversaram sobre questões relacionadas aos precatórios.
O prefeito Arthur Targino, informou que devido as dificuldades financeiras que vem afetando o município, com as constantes quedas nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), tem sido impossível realizar o pagamentos dos precatórios que foram programados. “Foi muito importante este diálogo iniciado com desembargador Junior Rego, para que possamos definir um entendimento quanto as questões dos precatórios”, esclareceu Arthur.
Arthur também destacou a contribuição da ex-prefeita Shirley Targino, que tem se colocado sempre a disposição para ajudar o município de Messias Targino.
Da Prefeitura Municipal de Messias Targino

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Câmara de Natal diz que guardas só agiram após atos de vandalismo

A Câmara Municipal de Natal afirma que a ação da Guarda Legislativa para a desocupação do pátio da Casa ocorreu após atos de vandalismo por parte do expulsão do grupo de manifestantes nesta quinta-feira (18). Em nota divulgada nesta sexta-feira (19), a mesa diretora da CMN informa que a atuação dos guardas aconteceu "em prol da preservação do patrimônio público". De acordo com a mensagem, a Casa abrirá uma sindicância interna para apurar "eventuais excessos".
Imagens registradas por representantes do movimento #RevoltadoBusão e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) mostram o uso de spray de pimenta e armas de choque na desocupação do pátio da Câmara Municipal (veja o vídeo ao lado). A OAB emitiu nota de repúdio pela ação das guardas legislativa e municipal. Os vereadores George Câmara (PCdoB) e Hugo Manso (PT) também relataram excessos na retirada dos manifestantes. De acordo com a Câmara, os manifestantes descumpriram o acordo firmado na CMN.
"No primeiro momento, os manifestantes aceitaram o acordo, mas depois decidiram não sair, descumprindo, arbitrariamente, o que fora acordado. O prazo foi dilatado por duas vezes após a entrega da notificação da Mesa Diretora, sem que houvesse qualquer sinalização de cumprimento por parte dos manifestantes que se mantiveram irredutíveis, permanecendo no local, gritando palavras de ordem de 'invadir, ocupar e resistir', numa clara demonstração de que a desocupação voluntária estaria inviabilizada", diz a nota.
A CMN ressalta que cumpriu todas as reivindicações pedidas pelos manifestantes: "A suspensão das audiências públicas relativas à tramitação do projeto de lei da licitação dos transportes públicos em Natal; a dilação do prazo para a discussão do projeto de lei, aumentando-o para 100 dias; e o envio de requerimento para que a Secretaria de Mobilidade Urbana e o SETURN apresentem planilhas que detalhem pormenorizadamente o valor da tarifa".
Para garantir a continuidade das audiências públicas sobre o projeto de lei do transporte público, a mesa diretora informa que convocará os vereadores para definir um novo calendário de debates.
Do G1 RN

Município de Messias Targino é contemplado com um Caminhão-Caçamba

O prefeito de Messias Targino, Arthur Targino (PMDB), informou em primeira mão nesta quarta-feira (17),que o município de Messias Targino, foi contemplado com um Caminhão-Caçamba , e que será entregue pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, no mês de agosto.
No inicio deste mês, o prefeito Arthur, já entregou a comunidade duas máquinas, uma motoniveladora e uma retroescavadeira para a população do município.
As máquinas Retroescavadeira e Motoniveladora e agora o Caminhão-Caçamba fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC -2 do Governo Federal em parceria com a prefeitura municipal.
Fonte: Prefeitura Municipal de Messias Targino

Município de Messias Targino é destaque em revista de circulação nacional

Através da gestão do prefeito Arthur Targino (PMDB),o município de Messias Targino voltou a ser destaque no cenário nacional, com os bons resultados de sua administração em apenas sete meses que está a frente da prefeitura.
A revista Prefeitos&Vices, que circula em todo o Brasil dedicou quatro paginas para destacar os feitos da gestão do prefeito Arthur.
A reportagem foi publicada na edição de maio e junho e estará sendo distribuídas nas secretarias municipais. “Fiquei muito feliz pela repercussão da reportagem. Agora quando estive em Brasília participando da Macha em defesa dos municípios fui bastante cumprimentado pelo nosso trabalho por vários prefeitos, deputados e senadores”, disse Arthur.
Para ver toda a reportagem é só acessar o link: :http://www.youblisher.com/p/645088-Revista-Prefeitos-e-Vices-Ed-23/
Fonte: Prefeitura Municipal de Messias Targino

Prefeitura de Taboleiro Grande Inova e Instala Câmeras de Segurança com Transmissão Via Internet

A prefeitura de Taboleiro Grande, cidade localizada no alto oeste potiguar, distante 32 KM de Pau dos Ferros, inovou na segurança pública do município, instalando câmeras de segurança com transmissão ao vivo pela internet 24 horas por dia. Os internautas de qualquer parte do Brasil e do mundo podem acessar as câmeras e acompanhar ao vivo a movimentação nos locais onde as mesmas estão instaladas.
O sistema está em fase de testes e até agora foram instaladas quatro câmeras, uma na praça da Igreja Católica, uma na entrada da cidade, outra na saída para a adega balneário e outra na praça Antonio Nicolau.
Fonte: Patu News

Culto de Louvor e Adorção neste Sábado em Messias Targino

Convidamos a população de Messias Targino, para assistirem a um grande Culto de Louvor e Adoração a Deus, da Igreja Semente Santa da cidade de Caicó/RN, que será realizado neste Sábado dia 20 de Julho ás 19:00 horas, na residência do Vereador Bal.
Não percam, pois vai acontecer grandes benções em sua vida.

II Conferência Municipal de Cultura de Messias Targino

A Prefeitura de Messias Targino, através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, convida artistas e amantes da arte e da cultura, sociedade cível e governamental, para participar da II Conferência Municipal de Cultura, que será realizada nesta Quarta-feira dia 31 de Julho de 2013, a partir das 07:00 horas da manhã no Centro de Cultura e Lazer.
Atenciosamente: Arthur de Oliveira Targino
Prefeito Municipal
Francimar Ezequiel da Silva
Secretário de Cultura e Turismo

Diário Oficial publica aumento de repasse para o Samu

As novas diretrizes para implementação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e de sua Central de Regulação das Urgências estão publicadas na edição de hoje (19) do Diário Oficial da União. De acordo com a portaria do Ministério da Saúde, os valores dos próximos repasses às unidades de Suporte Avançado (USA) e às Unidades Aeromédicas habilitadas, que têm equipes preparadas para procedimentos de alta complexidade, terão um acréscimo de 40%, passando de R$ 27,5 mil para R$ 38,5 mil por mês.
Já para as unidades que melhoraram os serviços, conforme critérios da pasta, o montante passará de R$ 45.925 para R$ 48.221 mensais. Também haverá aumento de recursos para as unidades de Suporte Básico (USB), que atualmente recebem R$ 12,5 mil por mês e passarão a receber R$ 13.125. Para as USB qualificadas, o valor subirá de R$ 20.875 para R$ 21.919 por mês.
De acordo com o Ministério da Saúde, com as novas diretrizes, a verba de custeio repassada pela pasta ao Samu terá um incremento de 19%, ao passar de R$ 744 milhões para R$ 884,2 milhões ao ano para toda a rede. Os recursos são destinados à capacitação de profissionais e à manutenção das equipes e equipamentos das unidades móveis.
Pela portaria, os valores de investimento destinados à ampliação de centrais de Regulação ou para a construção de unidades também terão acréscimo. Os recursos repassados aos municípios com até 350 mil habitantes aumentarão 116%, passando de R$ 100 mil para R$ 216 mil. Já as cidades com número de habitantes entre 350 mil e 3 milhões receberão 133% de aumento, passando de R$ 150 mil para R$ 350 mil. Para os municípios com mais de 3 milhões de habitantes, haverá elevação de 151% (de R$ 175 mil para R$ 440 mil).
Atualmente, o Samu tem 181 centrais de Regulação em 2.538 municípios. Em todo o país, o Ministério da Saúde já habilitou 2.969 ambulâncias, sendo 2.215 unidades de Suporte Básico, 557 unidades de Suporte Avançado e 197 motolâncias.
Da Agência Brasil

Internado com problemas pulmonares, Thiaguinho cancela 17 shows

A notícia da internação de Thiaguinho e consequente cancelamento de sua agenda de shows até o dia 4 de agosto, pegou todos de surpresa.
Na noite de quinta-feira (18), Fernanda Souza, namorada do cantor, usou seu perfil no Instagram para tranquilizar os fãs e comunicar que seu amado – que está internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para se tratar de uma pneumopatia – está bem.
"Muito obrigada! #DeusNoComando", escreveu a artista na legenda.
O cantor foi internado na manhã desta quinta-feira (18) no Hospital Sírio Libanês, na região central da Capital Paulista. Thiaguinho deu entrada com problemas no pulmão e a princípio, no começo da noite de ontem, chegou a ser anunciado que ele estava com pneumonia. Mas segundo a equipe médica, liderada pelo doutor David Uip, o problema não havia sido diagnosticado, por isso o nome de 'pneumopatia', uma doença no pulmão.
Ainda de acordo com os médicos o quadro de Thiaguinho é considerado bom e ele está sendo medicado, mas não há previsão de alta.
Por conta desse problema de saúde, o cantor teve que cancelar sua agenda de shows até o dia 4 de agosto. Inclusive uma apresentação que ele faria durante a Jornada Mundial da Juventude, na semana que vem, no Rio de Janeiro. Segundo a assessoria do cantor, quem quiser o ressarcimento dos valores dos ingressos para esses shows deve procurar os produtores de cada cidade.

Mãe se mata após receber trote dizendo que o filho estaria morto

Uma mulher, de 56 anos, morreu após atear fogo no próprio corpo em Tacaranha, no subúrbio ferroviário de Salvador, na Bahia.
O motivo do suicídio foi um telefonema que ela recebeu dizendo que filho único dela havia sido assassinado. A dona de casa perdeu o controle e se matou.
O marido da vítima ficou em choque ao receber a notícia quando voltava do trabalho.
Segundo moradores do bairro, a mulher teria recebido a ligação com a informação falsa por volta das 6h.
O filho da vítima também ficou em choque. Ele estava no trabalho no momento em que a mãe recebeu o telefonema.
Fonte: R7

61% das armas recolhidas na Grande Natal estavam com jovens e menores

Mais da metade das armas de fogo apreendidas no primeiro semestre na Grande Natal estavam com adolescentes e jovens. Dos 334 revólveres, pistolas, carabinas, fuzis, entre outros tipos de armamento recolhidos pela Polícia Militar no período, 61% foram encontrados nas mãos de pessoas de até 22 anos.
Os dados repassados ao G1 pelo Comando da PM do Rio Grande do Norte mostram que 27,6% das apreensões tinham o envolvimento de menores de idade, enquanto 33,6% das armas apreendidas foram recolhidas em poder de jovens com idades entre 18 e 22 anos. A Polícia Militar apreendeu uma média de duas armas por dia durante o primeiro semestre do ano.
“É importante lembrar que a PM age no varejo dessas armas. Retirando o armamento de circulação, diminuímos a possibilidade da prática de delitos”, explica o comandante da PM do RN, coronel Francisco Araújo Silva. As 334 armas apreendidas no primeiro semestre representam o maior número de apreensões dos últimos sete anos no período dos seis primeiros meses do ano.
Apesar do número de apreensões, o coronel Araújo Silva lembra que para inibir os crimes também é necessária a “repressão qualificada” das armas. “Falo exatamente da investigação e do trabalho de inteligência. Enquanto isso continuaremos mantendo a ostensividade para retirar o maior número de armas de circulação”, reforça. Batendo na mesma tecla, o presidente do Conselho Estadual de Direitos Humanos, Marcos Dionísio Medeiros Caldas, cobra um trabalho articulado entre a Polícia Civil, o Ministério Público e o poder judiciário.
“O jovem é só a ponta do problema, que ainda envolve o tráfico de drogas e a ação de criminosos. É preciso cortar a cadeia de alimentação das armas”, opina. Dionísio chama a atenção para a facilidade com a qual os adolescentes e jovens adquirem armas de fogo.
“Muitas delas um dia foram armas legais, adquiridas por pessoas para proteger suas casas e que foram levadas em assaltos para a rede do crime. Combinado com uso abusivo de álcool e drogas, também de fácil acesso, esse armamento compõe um elemento determinante para essa guerra civil que vivemos atualmente”, avalia.
Fonte: G1/PASSANDO NA HORA

Criança acorda e pede água no meio de seu velório

Uma criança de dois anos acordou, sentou no caixão e bebeu um copo de água durante seu próprio velório no sábado, em Belém, segundo parentes e pessoas presentes no local. Depois disso, o menino Kelvys Simão dos Santos foi levado para o hospital, mas chegou morto.
A Polícia Civil do Pará investiga se houve erro médico na declaração da “primeira morte”, mas, na ilha de Cotijuba, em que o fato ocorreu, há quem diga que foi um milagre ou algo sobrenatural. Havia cerca de 50 pessoas no velório.
Kelvys foi internado em um hospital estadual com febre e falta de ar na sexta-feira. À noite, o hospital constatou a morte da criança. A declaração de óbito aponta como causa da morte insuficiência respiratória, broncopneumonia e desidratação.
As cavidades de seu corpo foram tamponadas e Kelvys foi colocado em um “lençol de cadáver”, que é uma espécie de saco plástico, para depois ser levado à funerária.
Segundo o hospital, ele passou cerca de três horas sem poder respirar. A família, porém, diz que retirou os algodões de suas narinas e boca e abriu o saco plástico.
Durante o velório, segundo a pastora Maria Raimunda Batista, ele “estava se mexendo o tempo todo”.
O pai do menino, o agricultor Antônio dos Santos, diz que por volta das 14h as pessoas presentes começaram a fazer massagem cardíaca no menino, até que ele cuspiu restos de algodão que haviam sido colocados em sua boca.
Logo depois, diz, o menino sentou no caixão e disse “Pai, água”.
“O povo entrou em pânico, a avó dele desmaiou. O pai e a mãe dele ficaram muito felizes”, disse a pastora. O menino foi levado ao hospital imediatamente, segundo o pai, mas já chegou morto.
O pai do menino diz acreditar que a criança reagiu aos medicamentos que haviam sido dados no hospital na tentativa de ressuscitá-lo depois que o óbito já havia sido declarado, e por isso acordou no velório.
A direção do hospital afirmou, em nota, que só será possível esclarecer o episódio caso o corpo da criança seja exumado. De acordo com a Polícia Civil, a depender dos depoimentos colhidos na fase preliminar da investigação pode ser determinada a abertura de inquérito e feito o pedido de exumação.
O hospital deixou a investigação a cargo da polícia. “Se a criança estivesse viva, ela não ia aguentar ficar tanto tempo tamponada. Por isso que achamos estranho e queremos também uma explicação”, afirmou a diretora do Hospital Regional Abelardo Santos, Vera Cecim.
Fonte: Folha UOL/UMARIZAL NEWS

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Procon do RN registra 1ª ação contra empresa de marketing multinível

 
O Procon do Rio Grande do Norte abriu nesta quinta-feira (11) sua primeira ação administrativa envolvendo uma empresa de marketing multinível. A queixa foi registrada contra a BBom, empresa que faz recrutamento de pessoas para a venda de rastreadores veiculares em todo o país. O reclamante pediu para não ser identificado. Contudo, segundo Araken Farias, coordenador geral do órgão de defesa do consumidor no estado, a pessoa alega não ter recebido o retorno prometido do dinheiro que investiu ao adquirir quatro rastreadores. A BBom teve os bens bloqueados pela Justiça Federal de Goiás nesta última quarta (10), a exemplo do que aconteceu com a Telexfree, cujos pagamentos foram suspensos pela Justiça do Acre.
“O reclamante informou que tem quatro contas na BBom, e que em uma delas, mesmo antes de a Justiça fazer o bloqueio, a empresa não efetuou o pagamento prometido. Ele disse ter tentado fazer dois saques nos valores de R$ 700 cada, um no dia 2 e outro no dia 20 de junho, mas não conseguiu”, explicou Araken. "Diante dos comprovantes que ele nos apresentou, abrimos uma ação administrativa contra a BBom”, acrescentou o coordenador.
 O G1 ligou três vezes para o telefone que consta no site da BBom, mas as ligações não foram atendidas.
Para os divulgadores que se sentirem lesados pela Telexfree e/ou BBom, cujas contas estão bloqueadas judicialmente, a orientação do Procon no RN é a mesma. “Ninguém vai receber mais nenhum centavo enquanto os méritos da ações não forem julgados. Até lá, minha orientação é que procurem a Justiça para garantir o ressarcimento dos valores investidos. Mas, quem quiser entrar com um uma ação administrativa no Procon antes de ir à Justiça, terá todo o direito de fazê-lo”, disse Araken.
Investigações no RN
No Rio Grande do Norte, as empresas BBom, Telexfree, NNex, Multiclick, Priples e Cidiz estão sendo investigadas pela Promotoria de Defesa do Consumidor da comarca de Natal sob a suspeita de atuarem como pirâmides financeiras. Todas elas negam.
Sobre a BBom, o promotor Sérgio Luiz de Sena informou que no site Reclame Aqui consta considerável número de reclamações por motivos diversos contra a empresa, havendo assim necessidade de verificação preventiva da regularidade de suas atividades a fim de evitar eventuais danos aos consumidores.
Ao G1, quando instaurado inquérito civil pelo Ministério Público, o diretor de marketing da BBom, Ednaldo Bispo, disse que existe uma linha tênue entre o marketing multinível e a pirâmide financeira. "Quando se aproximam muito dessa linha, todos acabam sendo colocados no mesmo saco", acrescentou. Bispo disse também que a principal preocupação da BBom é com o cliente final, aquele que adquire o rastreador veicular. "A ideia do produto é ter acesso a informações de desempenho do veículo e saber da localização do mesmo para fins de segurança", acrescentou.
Criada neste ano, a BBom faz recrutamento de pessoas associando à venda de rastreadores veiculares comercializados pela rede de franquias Unepxmil. Tanto a empresa de marketing multinível quanto a rede de franquias são braços do grupo Embrasystem, que segundo o site da empresa, trabalha com produtos de tecnologia há 17 anos. Os rastreadores veiculares são adquiridos em regime de comodato por uma mensalidade de R$ 79,90. O contrato tem duração de 36 meses.
Bloqueio visa ressarcimento
O processo que tramita contra a BBom em Goiás está sob segredo de Justiça. Segundo comunicado divulgado na página da Justiça Federal de Goiás, ao analisar a documentação, a juíza federal substituta da 4ª Vara Federal de Goiânia, Luciana Laurenti Gheller, entendeu que há índicos de que as empresas atuam de forma ilegal, lesando os consumidores.
Na decisão, a magistrada explicou que o bloqueio dos bens se estende aos sócios e "busca evitar a dilapidação do patrimônio da empresa, de modo a possibilitar futuro ressarcimento aos consumidores lesados".
No esquema adotado pela BBom, conforme identificado pela juíza, o pagamento dos participantes depende exclusivamente do recrutamento por ele feito de novos associados. "A 'sustentabilidade' do negócio não advém da renda gerada pela venda do produto supostamente objeto da franquia, que se trata um rastreador", diz o comunicado.
Outra irregularidade apontada pela magistrada é a falta de licença expedida pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para a venda de rastreadores de veículos. "O rastreador utilizado em veículos é uma estação de telecomunicações que necessita ser licenciada pela agência, e não foi concedida pela Anatel autorização à empresa... para trabalhar com esse tipo de produto", informa a Justiça.
Empresa diz que rastreadores são homologados
Em comunicado divulgado nesta quinta (11), a BBom rebateu a decisão da Justiça e informou que os rastreadores são homologados pela Anatel.
Segundo a empresa, a licença "é fornecida para a empresa que produz o equipamento e não a BBom, que o distribui. "Acreditamos que a juíza da 4ª Vara Federal de Goiânia deve ter se equivocado no momento da busca por este registro", afirma a nota. "Cada equipamento MaxTrack MXT 140A comercializado pela BBom possui um código de registro válido e vigente perante a Anatel", acrescentou.
A empresa sustenta que é "uma empresa lícita, com sede própria, investimentos em marketing, propaganda, desenvolvimento de novos produtos e criação de estruturas executivas, industriais e comerciais".
Em entrevista no dia 5 de julho, o diretor de marketing da empresa, Ednaldo Bispo, negou a prática de pirâmide, argumentando que o modelo de negócio é sustentável e que o principal produto da BBom é a venda de rastreamento de veículos. Segundo ele, a empresa já reuniu em três meses mais de 200 mil associados.
"Também vendemos rastreador porta a porta. Nosso negócio não vem da entrada de pessoas, mas da prestação de serviço. O cliente final comodata, recebe o material e paga uma mensalidade. Ele pode ser só cliente, pode apenas vender o serviço, pode ser associado, ou fazer tudo isso", disse o porta-voz da BBom ao G1, argumentando ainda que o marketing multinível praticado pela empresa ainda é pouco compreendido.
No comunicado desta quinta, a empresa diz que "considera válida toda e qualquer forma de investigação, porém discorda de atitudes unilaterais que possam comprometer a saúde de companhias sem que haja a devida apuração ou conhecimento dos fatos envolvidos por parte das autoridades".
Do G1 RN

Falece a cantora Val Santos Cabral

 
É com muita tristeza que confirmamos agora desta vez infelizmente o falecimento da cantora Val Santos Cabral. Há dias estávamos acompanhando o caso, orando e realmente respeitando a família no momento tão difícil que deve ter sido quando Val sofreu o AVC e ficou em coma no hospital em fortaleza/CE.
Fãs, admiradores e cantores oravam pela vida de Val para que seu estado de saúde melhorasse e que Deus lhe tirasse daquela situação tão angustiadora por todos que esperavam uma única notícia de que ela tinha melhorado, porém infelizmente o o seu estado de saúde continuava o mesmo, não teve muitas alterações e a família era a primeira acreditar que não tinha acontecido morte cerebral como os médicos informaram nos primeiros boletins.
 Val ganhou reconhecimento do público durante os quatros anos que ficou no Forró Balancear, gravou várias canções porém uma das mais conhecidas sem dúvidas foi e sempre será ''Curva perigosa'', seu dueto inesquecível com o amigo César Dantas.
 Val estava com um projeto musical chamado ''Forró Balada'' ao lado do Ozeias Cantor e que foi a sua última banda que trabalhou e encerrou tão cedo e nem era esperado sua carreira musical.
A família toda está em choque, estão todos abalados com o falecimento tão precoce da cantora Val que todos ainda esperava que iria voltar aos palcos onde fazia o que mais gostava que era cantar e sem querer encantar também.
Do Forroparaobrasil.com

terça-feira, 9 de julho de 2013

MC Daleste pode ter sido vítima de crime passional, diz delegado

A Polícia Civil investiga se o funkeiro Daniel Pellegrine, de 20 anos, o MC Daleste, morto com um tiro durante um show em Campinas, foi vítima de um crime passional ou motivado por um desentendimento.
Daleste foi atingido 10 minutos após o início do show, enquanto cantava no palco. Ele participava de um evento em um condomínio da CDHU, no bairro San Martin, quando foi morto, às 22h40 do sábado. A polícia ainda apura quem contratou Daleste oficialmente.
O delegado Rui Pegolo, da Delegacia de Homicídios de Campinas, disse que uma hipótese investigada é que o cantor tenha tido alguma relação com uma mulher e que o autor dos disparos tenha agido por vingança. "Durante os shows, as mulheres arremessavam roupas íntimas no palco. Há uma informação que está sendo checada, de que ele teria saído com uma menina e o namorado tomou conhecimento."
Outra hipótese é que tenha ocorrido uma briga, antes do show, por causa de quantas músicas ele cantaria. Na tarde de ontem, foi ouvido um dos organizadores do evento, ligado a associação de bairro do San Martin, área conhecida da polícia pelo tráfico de drogas. A identidade não foi divulgada. A polícia em Campinas montou uma força tarefa para apurar o caso.
O que se sabe até agora é que o atirador estava a uma distância de 20 metros a 30 metros do palco. O tiro teria sido dado a uma altura de 1,70m a 1,80m do solo. "Olhando a cena do crime de cima do palco, o tiro veio da esquerda para a direita. A bala atingiu o abdome do cantor, do lado esquerdo, e transfixou seu corpo."
Não se pode precisar a arma usada, porque não foi encontrado nenhum projétil. A bala que atingiu MC Daleste atravessou ainda um tapume no fundo do palco. Um segundo tiro teria sido disparado. "Mas acreditamos que tenha sido usada uma pistola. O que temos certeza é que o autor sabia atirar bem", disse o delegado. A principal hipótese da polícia é que o atirador tenha se escondido em um terreno baldio, escuro, onde há uma construção e um morro.
"Ao que tudo indica, o atirador não estava no meio da multidão." O uso de um Gol vermelho na fuga também está sendo investigado. Até ontem, sete pessoas foram ouvidas. "Não descartamos uma briga na hora do show ou mesmo em outro evento", disse Pegolo. A polícia também não descarta a hipótese de o autor ser de outra cidade e ter ido para Campinas para executar MC Daleste, na tentativa de despistar a polícia.
Ontem, o corpo do cantor foi enterrado no Cemitério de Vila Formosa, na zona leste de São Paulo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Do G1

TJ-AC nega recurso e mantém atividades da Telexfree suspensas

A 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) negou o pedido de reconsideração feito pelos advogados de defesa da Telexfree contra a medida que suspende os pagamentos e a adesão de novos investidores à empresa de marketing multinível. A decisão foi tomada nesta segunda-feira (8) sob o olhar atento de divulgadores de diversas partes do país que vieram ao Acre para acompanhar o julgamento.
A decisão da Câmara Cível foi unânime, mas os advogados da empresa ainda podem recorrer. "O direito é a regra do jogo e não podemos ir contra a lei", disse a desembargadora Waldirene Cordeiro ao dar seu voto. O TJ-AC ainda irá aguardar o parecer do Ministério Público Estadual para julgar o agravo de instrumento.
O advogado Djacir Falcão, que representa a Telexfree, confirmou que a empresa irá entrar com recurso. Ele disse ainda que a Telexfree está passando por uma 'situação difícil' por causa do bloqueios mas não corre risco de falência.
Entenda o Caso A atuação da empresa em todo o país foi suspensa por decisão da justiça acreana no dia 18 de junho, pela juíza Thais Borges. A Telexfree é suspeita de atuar em um esquema de pirâmide financeira, ilegal no Brasil. O desembargador Samuel Evangelista manteve a decisão ao indeferir o pedido de revisão de sentença, apresentado pelos advogados da empresa.
Desde então diversas manifestações foram realizadas em Rio Branco e em outras cidades do Brasil. Uma comitiva formada por divulgadores de São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Rondônia, Mato Grosso, Ceará, Espírito Santo, Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Santa Catarina reuniu-se no dia 1 de julho na capital acreana para acompanhar o caso.
Na terça-feira (2) a ministra Isabel Gallotti, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), manteve suspensas as operações da Telexfree. O tribunal não chegou a analisar o recurso da empresa Ympactus Comercial Ltda, operadora da Telexfree, por entender que ainda havia pendências para serem analisadas pelo Tribunal de Justiça do Acre.
Já no dia 4 de julho as promotorias de Defesa do Consumidor, de Defesa dos Direitos Humanos e do Grupo de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Acre (MP-AC), ajuizaram ação que propõe, entre outros pontos, o ressarcimento dos divulgadores da Telexfree por parte da empresa.
Por fim, no dia 6 de julho, a juíza Thaís Borges determinou o desbloqueio das contas bancárias de duas empresas Wolrdschanger Intermediação de Negócios LTDA e Simternet Tecnologia da Comunicação LTDA, que fazem parte do grupo Telexfree. No entendimento da magistrada as contas das empresas não fazem parte do processo em curso.
Do G1 RN

Salomão Gurgel deixa um 'rombo' de R$ 9 milhões em Janduís

O ex-prefeito de Janduís, médico psiquiatra Salomão Gurgel (PT), deixou um rastro de desmantelo nas contas públicas do pequeno município do Médio Oeste Potiguar.
Um rombo de R$ 9 milhões, somadas as dívidas com obrigações sociais, impostos e fornecedores, além de salários atrasados dos servidores públicos. As contas são feitas pela atual administração.
Só com a Receita Federal o buraco cavado pelos oito anos da gestão de Salomão é de R$ 4 milhões. Os serviços contratados, não pagos, supera a casa dos R$ 3,670 milhões.
A folha de pagamento, não quitada, chega a R$ 762 mil, somados os atrasos da folha de dezembro, o décimo-terceiro salário de 2012 e o reajuste do piso.
Além de ter destroçado as finanças municipais, o ex-prefeito deixou obras paralisadas, prédios públicos em ruínas, frota sucateada e lixo acumulado nas ruas. O caos.
O tema será abordado na edição de amanhã (10) do JORNAL DE FATO.
Do Blog do César Santos

Demolida igreja que desabou após padre encerrar missa em Natal

Foi demolida na noite desta segunda-feira (8) a igreja de São Bartolomeu - cujo teto e paredes desabaram 15 minutos após o encerramento de uma missa realizada no último sábado (6). A igreja fica no conjunto Vila Paraíso, na zona Norte de Natal. A Defesa Civil do Município e o Corpo de Bombeiros participaram da demolição, que foi realizada com apoio de um caminhão munck, também utilizado para movimentação de cargas na construção civil.
De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Natal, Jeoás Santos, o laudo feito por um engenheiro da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtas) aponta que três fatores foram determinantes para o desmoronamento de parte da igreja: a idade do prédio, a reforma que vinha sendo feita no local e as chuvas que caíram ao longo da semana passada.
No fim da tarde desta segunda foi demolida uma viga localizada em uma das laterais da igreja. "Casas vizinhas poderiam ser atingidas caso a estrutura desmoronasse", explicou Jeoás Santos. No entanto, o ideal seria demolir toda a estrutura restante para eliminar os riscos, o que só pôde ser feito durante a noite com a chegada do munck.
O padre Inácio Henrique Teixeira informou que a Paróquia de Santo Antônio de Pádua pretende reconstruir a igreja de São Bartolomeu, uma das 10 capelas atendidas pela paróquia. "A ideia é fazer a reconstrução e contamos com o apoio que temos de todas as comunidades. Será necessário fazer um novo projeto", ressalta o padre.
O desabamento aconteceu cerca de 15 minutos depois que o padre Inácio Henrique encerrou a missa. Todas as pessoas que participavam da missa, cerca de 60, segundo o padre, já haviam deixado o local e ninguém se feriu.
O padre Inácio Henrique relatou que a missa foi iniciada às 18h. Após ver uma rachadura na parede, ele se sentiu incomodado e encerrou a celebração após 30 minutos. "Fiquei com aquilo na cabeça e decidi cancelar a missa na metade. Recolhemos os bancos para dentro da sacristia e saímos. Do lado de fora conversávamos sobre o que seria feito e quinze minutos depois veio o estrondo", conta. Além do teto, as paredes laterais também desabaram.
Do G1 RN

Juiz é a favor que júri de acusados da morte de F. Gomes seja em Natal

O juiz criminal Luiz Cândido de Andrade Villaça, da comarca de Caicó, concorda que o julgamento dos acusados de participação na morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros, o F. Gomes, assassinado a tiros no dia 18 de outubro de 2010, seja realizado em Natal – e não na própria cidade de Caicó, onde aconteceu o crime. Apesar de o parecer do magistrado ser favorável à mudança, ato publicado nesta segunda-feira (8), o Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte ainda não julgou o mérito. Também não há data agendada para a apreciação do pedido.
Caso os desembargadores aceitem o pedido de desaforamento, é provável que a data do julgamento também seja alterada. A princípio, o julgamento está marcado para o próximo dia 5 de agosto, a partir das 9h, no plenário Ciloé Capuxú, do Fórum Amaro Cavalcante, em Caicó. O pedido de mudança foi feito pelos advogados do comerciante Lailson Lopes, mais conhecido como 'Gordo da Rodoviária', apontado como um dos autores intelectuais do homicídio. Ao lado dele sentará no banco dos réus o mototaxista João Francisco dos Santos, o 'Dão', acusado de ser o executor do crime. Outros quatro acusados de também terem participado como mentores do assassinato ainda aguardam sentença de pronúncia.
Segundo Villaça, o clamor social do crime, que chocou Caicó, pode afetar a imparcialidade do corpo de jurados. “No que tange especificamente ao pedido de desaforamento, é inegável que o crime objeto da apuração no processo crime mencionado causa grande clamor social e que é possível – até provável – que o corpo de jurados pode ter sua imparcialidade afetada. Esse fato pode justificar, a propósito de assegurar o interesse da ordem pública e da imparcialidade dos jurados, o desaforamento do presente feito”, opinou o juiz.
Outros indiciados
Os outros quatro indiciados pelo homicídio de F. Gomes - o advogado Rivaldo Dantas de Farias, o ex-pastor evangélico Gilson Neudo Soares do Amaral, o tenente-coronel Marcos Antônio de Jesus Moreira e o soldado da PM Evandro Medeiros - ainda aguardam sentença do magistrado.
O tenente-coronel e o soldado aguardam a decisão em liberdade. O advogado também está solto. Já o ex-pastor, cumpre pena por tráfico de drogas em Pau dos Ferros. 'Dão' e o 'Gordo da Rodoviária' continuam presos. O Primeiro em Alcaçuz, em Nísia Floresta. O segundo, em Patu.
O mototaxista João Francisco dos Santos é réu confesso. Ele admitiu ter puxado o gatilho. Já o comerciante Lailson Lopes nega ter mandado matar o radialista. Os demais denunciados também negam participação no crime.
O soldado Evandro foi o único denunciado por homicídio simples - já que ele foi apontado apenas como o guardião da arma usada para matar o radialista. Se for levado a júri popular e condenado, sua pena pena pode variar de 6 a 20 anos de cadeia. Para os outros (todos denunciados por homicídio triplamente qualificado) a pena é mais rígida e vai de 12 a 30 anos de prisão. Segundo o promotor criminal Geraldo Rufino, foram levados em consideração três agravantes: motivo fútil, emboscada e morte mediante promessa de recompensa.
Do G1 RN

Curiosity fotografa rastros deixados em solo de Marte durante trajeto

O jipe Curiosity, enviado a Marte em 2012 para explorar o planeta, fotografou, nesta terça-feira (9), seus rastros deixados ao sair do último alvo examinado pelo robô, na área de Glenalg. O jipe iniciou uma longa trajetória rumo ao monte Sharp, destino de longo prazo da missão. Os rastros que podem ser observados no primeiro plano, à direita da imagem, foram deixados pelo Curiosity em passagem anterior pela área, quando se dirigia a Glenalg há sete meses.
Do G1

Polícia Federal vai investigar empresa TelexFree

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, determinou nessa segunda-feira (8) a abertura de investigação policial relativa às atividades da empresa TelexFree no país. O órgão informa que vem apurando denúncias sobre a empresa desde janeiro, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor.
A suspeita é de explorar o sistema comercial conhecido como pirâmide financeira, proibido no Brasil. O modelo se mantém por meio do recrutamento progressivo de pessoas, até chegar a níveis que tornam o retorno financeiro insustentável. Estima-se que a Telexfree tenha arregimentado pelo menos 1 milhão de pessoas no Brasil.
O Ministério da Justiça informa que já havia pedido ajuda para apurar o caso, como à Comissão de Valores Mobiliários, ao Banco Central, à Secretaria de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda e ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica. Esses órgãos apontaram indícios de crime contra a economia popular, esquema de pirâmide financeira e evasão de divisas.
No mês passado, o Departamento de Defesa do Consumidor abriu processo administrativo envolvendo a TelexFree por indícios de formação de pirâmide financeira e ofensa ao Código de Defesa do Consumidor.
Também nessa segunda-feira, o Tribunal de Justiça do Acre manteve a decisão que suspendeu as atividades da TelexFree. De acordo com entendimento da 2ª Câmara Cível, a empresa não pode fazer novos cadastros de divulgadores e está impedida de pagar aos apoiadores já cadastrados. A decisão vale até o julgamento final do caso, sob pena de multa diária de R$ 500 mil.
A defesa da empresa tentou, sem sucesso, reverter entendimento individual do relator do caso, desembargador Samoel Evangelista. De acordo com o voto do magistrado, apoiado hoje por unanimidade, os advogados da TelexFree não apresentaram fundamentos legais para suspender os efeitos da decisão de primeira instância. Agora, o tribunal acriano agora vai analisar mérito do caso.
A decisão de suspender as atividades da empresa resultaram em uma série de reclamações em órgãos como o Conselho Nacional de Justiça e o Superior Tribunal de Justiça. Ambos divulgaram nota alegando que não é possível interferir em processo judicial em curso.
Agência Brasil

Cantor Netinho não usa mais sonda e caminha pelo hospital

A cada dia, o cantor Netinho tem evolução em sua recuperação. O último boletim médico divulgado nesta segunda-feira (8) diz que ele já está se alimentando com carne, massas, sucos e frutas e não usa mais sonda enteral. E mais: o artista já caminha pelos corredores do hospital.
Netinho segue internado na Unidade Semi-Intensiva do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ainda não há previsão de alta.
O cantor está internado desde o dia 24 de abril, após dar entrada em um hospital de Salvador e operado por causa de um quadro de problemas vasculares no abdômen. Já no dia 10 de maio Netinho foi transferido para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde teve algumas recaídas, mas agora segue em franca recuperação.
O Fuxico

Em caráter emergencial, reforma do Presídio de Caicó é autorizada

O Diário Oficial do Estado desta terça-feira(9) publicou a dispensa de licitação da reforma e ampliação da Penitenciária Estadual do Seridó, localizada na cidade de Caicó. A ordem foi da Secretaria de Justiça e Cidadania – SEJUC.
Na ocasião, o seu secretário, Júlio Queiroz, autorizou a dispensa, em caráter emergencial, em favor da empresa RCC – REDE DE CONSTRUÇÃO CIVIL LTDA. O custo da obra está orçado em R$ 1.098.841,15 (Hum milhão, noventa e oito mil, oitocentos e quarenta e um reais e quinze centavos).
Da redação em Natal

Termina prazo para matrícula dos candidatos da segunda chamada do Sisu

Os candidatos selecionados na segunda chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) têm até hoje (9) para fazer a matrícula. O estudante deve verificar, na instituição de ensino que o convocou, o local, horário e os procedimentos necessários. Quem descumprir o prazo, perde a vaga.
O Sisu foi desenvolvido pelo Ministério da Educação para selecionar os candidatos às vagas das instituições públicas de ensino superior a partir da nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).
Esta edição do Sisu teve 788.819 estudantes inscritos. Foram oferecidas 39.724 vagas em 1.179 cursos, ofertadas por 54 instituições públicas de educação superior integradas ao sistema.
Quem não foi convocado em nenhuma das chamadas pode entrar na lista de espera até o dia 12 de julho. O candidato deve acessar o site do Sisu e, no boletim, clicar no botão que confirma o interesse em participar da lista de espera. As convocações da lista de espera começam no dia 17, caso haja vaga.

Feijão e milho puxam crescimento de 8,5% da safra de grãos no RN

A Companhia Nacional do Abastecimento (Conab) divulgou nesta terça-feira, o levantamento da safra brasileira de grãos 2012/2013 com recorde de produção de 185,05 milhões de toneladas, o que representou um aumento de 11,4% em relação ao ano passado.
No Rio Grande do Norte também houve crescimento passando a produção da safra de 8,2 mil toneladas para 8,9, o que representa crescimento de 8,53%. Ainda segundo levantamento a área plantada cresceu de 17,3 mil hectares para 19,6.
Já na produtividade por quilo houve um decréscimo na produção potiguar de 474 para 454 quilos por hectares plantados.
Entre os segmentos de grãos que apresentaram crescimento na última safra houve destaque para o feijão que passou de 1,9 para 2,6 mil toneladas e o milho que subiu de 2,6 para 2,8 mil toneladas, além do sorgo que passou de 1,0 para 1,5 mil toneladas.
Já na produção de arroz houve queda de 25% passando de 2,4 para 1,8 mil toneladas. Já a produção de algodão tanto em caroço, quanto em pluma manteve-se estável.

Representantes de Messias Targino vão participar de Conferência Territorial de Desenvolvimento Sustentável e Solidário

Uma comitiva formada por representantes do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Sintraf), do Fórum da Agricultura Familiar, da Ematern e da Prefeitura Municipal de Messias Targino, vão participar na quarta-feira (10), em Apodi, da Conferência Territorial de Desenvolvimento Sustentável e Solidário, que será realizada na sede do sindicato.
A Conferência vai contar com representação dos municípios de Apodi, Campo Grande, Caraúbas, Felipe Guerra, Governador Dix-sept Rosado, Itaú, Janduís, Messias Targino, Olho d`Água do Borges, Paraú, Patu, Rafael Godeiro, Rodolfo Fernandes, Severiano Melo, Triunfo Potiguar, Umarizal e Upanema.
Segundo informou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Sintraf), Pôla Pinto, o objetivo das conferências em todos os níveis será construir compromissos para efetivar o direito ao Desenvolvimento Sustentável e Solidário.
Já a 2ª Conferência tem como objetivo central a construção do Plano Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário - PNDRSS, materializando concepções, princípios e diretrizes estratégicos da Política de Desenvolvimento do Brasil Rural (PDBR), com indicação de metas de curto, médio e longo prazo.
Do Site da Prefeitura Municipal de Messias Targino

Prefeito Arthur está em Brasília para 16ª Marcha em Defesa dos Municípios.

O prefeito de Messias Targino, Arthur Targino (PMDB), está em Brasília - DF, para participar da 16ª edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que anualmente é realizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), que terá inicio nesta segunda-feira (8) até a quinta-feira dia 11. Para segunda-feira (8), será a abertura da V Exposição de Produtos, Serviços e Tecnologias e Abertura da Assembleia - Geral Ordinária da CNM.
Na terça-feira (9), o prefeito Arthur Targino, participará do lançamento do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor e ás 9h30, da Sessão Solene de Abertura da Marcha, com a participação da Presidenta da República – Dilma Rousseff,Presidente do Senado Federal – Renan Calheiros,Presidente da Câmara dos Deputados – Henrique Eduardo Alves ,Ministros de Estado, Presidente da CNM – Paulo Ziulkoski,Presidentes das entidades estaduais de Municípios, Diretoria CNM e os prefeitos.
Já na parte da tarde, o prefeito Arthur, participará no Congresso Nacional de uma solenidade, para a instalação da Subcomissão de Assuntos Municipais”, esclareceu o prefeito.
Arthur informou ainda, que os prefeitos do RN que vão participar do evento terão uma reunião com os deputados federais do estado. “Esse encontro será coordenado pelo deputado João Maia (PR) e deverá ter participação de mais de 100 prefeitos”, disse Arthur.
Durante sua permanência em Brasília, o prefeito Arthur Targino, tem audiências agendadas em vários ministérios e encontros com deputados federais e senadores do RN, visando viabilizar a liberação e locação de mais investimentos para o município de Messias Targino.
O Assessor de Licitações e Contratos da Prefeitura de Messias Targino, Auderi Fernandes de Souza, está acompanhando o prefeito Arthur Targino, durante as audiências.
Do Site da Prefeitura Municipal de Messias Targino

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Investigação tem objetivo proteger consumidor sobre multiníveis, diz MP

O promotor de Justiça de Defesa do Consumidor Alexande Cunha Lima, que vai investigar a atuação de empresas de marketing multinível no Rio Grande do Norte, disse que o objetivo da inquérito civil é proteger o consumidor potiguar. As empresas investigadas são: Telexfree, BBom, NNex, Multiclick, Priples e Cidiz. A Promotoria de Defesa do Consumidor será responsável por apurar se o funcionamento destas empresas se constitui em pirâmide financeira.
"Se provarmos que a empresa não tem sustentação com a venda de produtos ou serviços, começa a se caracterizar a pirâmide financeira. Caso não seja provado, o procedimento é o arquivar o inquérito" explica Alexandre da Cunha Lima, que participa do inquérito civil junto com os promotores José Augusto Peres e Sérgio Sena. Os processos sobre as seis empresas serão distribuídos entre os três promotores.
O promotor Alexandre Cunha ressalta que nenhuma reclamação formal foi recebida pelo Ministério Público do RN em relação às empresas. "Talvez não tenha ocorrido porque as pessoas ainda estão tendo retorno", avalia. Mesmo assim, em reunião realizada na manhã desta terça-feira (2), os promotores decidiram pela abertura do inquérito. "O que pesou foi tentar proteger o consumidor de algum prejuízo", reforça.
Além da capacidade de sustentação da rede com a venda dos produtos e serviços oferecidos, o MP analisará de que forma os contratos são firmados entre as empresas e seus clientes. "Mesmo sendo comprovado que a empresa é de marketing de multinível, é preciso saber qual a relação existente entre as empresas e os divulgadores. Tem de haver, por exemplo, o pagamento de impostos", pontua Alexandre Cunha Lima.
Marketing multinível x pirâmide financeira
O promotor Alexandre Cunha Lima esclarece que a diferença entre o marketing multinível e a pirâmide financeira é o meio utilizado para movimentar dinheiro. "No marketing multinível o objetivo é a venda do produto. Já na pirâmde financeira existe uma maquiagem de produto ou serviço para esconder a sustentação com base no recrutamento de pessoas", explica.
De acordo com o promotor, as pirâmides financeiras oferecem grandes riscos para os consumidores. "As pirâmides funcionam por algum tempo, mas um dia acaba a sustentação por recrutamento. Quando isso acontece a minoria que está na ponta consegue o lucro, enquanto a maioria perde", reforça. Além desse risco, o promotor lembra que a pirâmide financeira se enquadra como crime contra a economia popular de acordo com a Lei 1521/51.
Do G1 RN

Multiníveis garantem legalidade sobre investigação do MP do RN

Citadas pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte como alvos de uma investigação sobre o modelo de marketing multinível no estado, as empresas Telexfree, BBom, NNex, Multiclick, Priples e Cidiz garantem a legalidade de seus negócios. A promotoria de Defesa do Consumidor informou nesta terça-feira (2) que abrirá inquérito civil para apurar se o funcionamento destas empresas se constitui em pirâmide financeira.
"Se provarmos que a empresa não tem sustentação com a venda de produtos ou serviços, começa a se caracterizar a pirâmide financeira. Caso não seja provado, o procedimento é arquivar o inquérito", explica o promotor Alexandre da Cunha Lima, que participa do inquérito civil junto com os promotores José Augusto Peres e Sérgio Sena, da Promotoria de Defesa do Consumidor.
O marketing multinível trabalha com a distribuição de bens e serviços e divulgação dos produtos por revendedores independentes que faturam em cima do percentual de vendas. Já a pirâmide financeira se caracteriza quando não há foco na venda de produtos ou serviços, e sim na adesão de novas pessoas para alimentar o sistema de pagamento. Este modelo se enquadra como crime contra a economia popular de acordo com a Lei 1521/51.
O G1 procurou todas as seis empresas e reproduz o que integrantes e representantes da Telexfree, BBom, NNex, Multiclick, Priples e Cidiz responderam sobre a investigação do Ministério Público. Confira os pronunciamentos das seis empresas:
BBom
Criada neste ano, a BBom faz seu recrutamento de pessoas associado à venda de rastreadores veiculares comercializados pela rede de franquias Unepxmil. Tanto a empresa de marketing multinível quanto a rede de franquias são braços do grupo Embrasystem, que segundo o site da empresa, trabalha com produtos de tecnologia há 17 anos.
Os rastreadores veiculares são adquiridos em regime de comodato por uma mensalidade de R$ 79,90. O contrato tem duração de 36 meses. "A ideia do produto é ter acesso a informações de desempenho do veículo e saber da localização do mesmo para fins de segurança", explica o diretor de marketing da BBom, Ednaldo Bispo.
Para o diretor de marketing da BBom, existe uma linha tênue entre o marketing multinível e a pirâmide financeira. "Quando se aproximam muito dessa linha, todos acabam sendo colocados no mesmo saco", afirma. Bispo explica que a principal preocupação da BBom é com o cliente final, aquele que adquire o rastreador veicular.
Cidiz
Sediada em Recife, a Cidiz informa que adotou o sistema de vendas diretas por modelo multinível para atuar no mercado de moda, onde comercializa peças de vestuário, calçados e acessórios. Para o sócio-diretor da empresa, Tiago Hurtado, é preciso diferenciar a Cidiz de empresas que geram rendimentos sem a venda de produtos. "Para o colaborador ganhar, ele tem de vender o produto e gerar resultado para a empresa. Isso comprova que o modelo de negócio é economicamente sustentável", ressalta.
Hurtado acrescenta que a Cidiz contratou uma assessoria jurídica antes de entrar em funcionamento e o modelo de negócio foi aprovado. De acordo com o sócio-diretor, a empresa também passou por um comitê de ética para integrar a Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD), formada por empresas como Herbalife e Natura, que também utilizam o marketing multinível para vender produtos.
Em relação ao inquérito que será aberto pelo MP, o sócio-diretor se diz tranquilo. "Nos colocamos à disposição e entendemos que é normal. Mas entendemos também que as pirâmides que estão surgindo e se intitulando como marketing multinível precisam ser separadas de uma empresa séria que entrou no bolo", conclui Hurtado.
Nestor Case divulgador da Telexfree no RN
Telexfree
Criada originalmente nos Estados Unidos, a Telexfree comercializa um sistema de telefonia pela internet, o VOIP (Voice Over Internet Protocol). A Telexfree no Brasil seria o nome-fantasia da empresa Ympactus Comercial LTDA, com sede em Vitória, no Espírito Santo, tendo iniciado suas atividades em março de 2012. As contas dos divulgadores de todo o país foram bloqueadas recentemente em decisão do Tribunal de Justiça do Acre.
O representante comercial Nestor Case, que é divulgador Telexfree, diz que não vê problema no fato de o MP investigar a empresa. "A Telexfree é 100% legal e cumpre com todas suas obrigações com seus divulgadores e clientes, e paga todos os seus impostos. Temos um produto, que é o serviço Voip, que não é um produto de fantasia. Caso seja solicitada alguma informação perante ao MP, com certeza o setor jurídico da Telexfree estará à disposição. A postura do MP do nosso estado de não apenas investigar a Telexfree como todas as outras mostra transparência e imparcialidade, e isso é bom para o MMN do Brasil".
Priples
Com sede na cidade de Recife, o Priples foi criado pelo empresário Henrique Maciel Carmo de Lima. O marketing multinível da empresa é associado à venda de espaços publicitários na internet.
"Trabalhamos com publicidade, vendendo os espaços para a divulgação de produtos. Temos o diferencial de controlar o horário em que os anúncios são publicados, possibilitando à empresas anunciantes atingirem o público alvo", diz o fotógrafo Ewerton Farias, considerado número 1 da empresa no Rio Grande do Norte.
No site oficial, a empresa lista vantagens para empresários que queiram se utilizar dos serviços da Priples e para desenvolvedores do marketing multinível. "Não estamos preocupados com a investigação. Se fosse assim teriam de investigar todas as mídias sociais e sites que possuem espaços publicitários", ressalta Ewerton Farias.
Myelk Dias conta que é o investidor numero 1 do RN e um dos 5 do Brasil
Multiclick
Localizada em Balneário Camboriú, no estado de Santa Catarina, a Multiclick se identifica no site oficial como uma empresa que atua no ramo publicitário. Sobre a investigação, o consultor Myelk Dias, que é investidor da empresa no RN, acredita na obrigação do Ministério Público e polícia em apurar possíveis fraudes.
"Tudo é um aprendizado, inclusive para as autoridades, que buscam regular as atividades oriundas do marketing multinível. Estamos lado a lado exercendo essa busca. Se eventualmente algo precisar de ajuste, assim o faremos", explica. Para Myelk, o mercado do marketing multinível precisa de regularização.
"Enquanto esse mercado não estiver devidamente regularizado, é até salutar que se apure tudo, para defesa de todos os cidadãos, movimento que apoiamos, e com certeza, ao final será demonstrado todo nosso rigor e lisura", explica.
NNEX
Em nota enviada ao G1, a NNEX se identifica como catálogo eletrônico de produtos e serviços. A empresa afirma que trabalha em duas vertentes: seleção de parceiros com produtos e serviços de interesse do público alvo da NNEX, e motivação do grupo de afiliados para consumo e revenda dos itens do catálogo.
O afiliado escolhe o produto com o qual irá trabalhar e adquire um pacote de serviços que internamente é controlado por cupons, adotados como moeda interna. De acordo com a empresa, além de serem trocados por produtos e serviços, os cupons "podem também, em conformidade com determinados critérios, se transformarem em valores financeiros, ao serem enviados ao 'Fundo de Participação Publicitária' da NNEX".
Através de cálculos que levam em conta percentual do faturamento, eficácia da atividade de mídia realizada e necessidade de investimento publicitário, é definido o valor a ser pago pelo cupom, variando de centavos até dezenas de reais.
Do G1 RN

MP investiga atuação da Telexfree e outras empresas de multinível no RN

O Ministério Público do Rio Grande do Norte vai abrir um inquérito civil para investigar a atuação de empresas de marketing multinível no estado. As empresas investigadas são Telexfree, BBom, NNex, Multiclick, Priples e Cidiz. A promotoria de Defesa do Consumidor será responsável por apurar se o funcionamento destas empresas se constitui em pirâmide financeira.
A decisão foi tomada em reunião realizada na manhã desta terça-feira (2), em Natal, com os promotores de defesa do consumidor Alexandre Cunha Lima, José Augusto Peres e Sérgio Sena. O Rio Grande do Norte é o sétimo estado a abrir investigação sobre o Telexfree.
No último sábado (29), um grupo de divulgadores da Telexfree fez uma manifestação em Natal para protestar contra a decisão da Justiça do Acre de impedir as atividades da empresa no Brasil.
A Justiça suspendeu os pagamentos e a adesão de novos contratos à Telexfree, no dia 18 de junho. A decisão, que é válida até o julgamento da ação principal, sob a pena de multa diária de R$ 500 mil, foi mantida no dia 24 de junho, quando o desembargador Samoel Evangelista, do Tribunal de Justiça do Acre (TJ/AC) indeferiu o pedido de revisão das sentenças impetrado pelos advogados da Telexfree. A decisão deixou muitos divulgadores da empresa preocupados com o futuro e com a possibilidade de serem prejudicados por terem investido altos valores.
Empresas afirmam legalidade
 Para o empresário Victor Noé, que é investidor da empresa BBom em Natal, a empresa se diferencia de outras por ter um produto qualificado. Ele se refere ao rastreador veicular comercializado pela rede de franquias Unepxmil, um dos braços do grupo Embrasystem, que criou neste ano a empresa de marketing multinível BBom. Os rastreadores em questão são alugados por uma mensalidade de R$ 80 nas lojas da rede de franquias.
O lucro dos investidores, segundo o empresário, vem da receita adquirida com os rastreadores. "Ao entrar você adquire uma microfranquia e recebe um rastreador veicular para uso pessoal e outros para serem inseridos na rede de franquias do Unepxmil, que chega a duas mil lojas no Brasil. Muitas das empresas não conseguem atingir o cliente tradicional porque ficam dentro do marketing multinível", afirma o empresário, que abriu uma franquia da Unepxmil há 15 dias na capital potiguar.
Já a empresa Priples, que também é citada pelo Ministério Público, trabalha com a venda de espaços publicitários na internet. O fotógrafo Ewerton Farias, considerado número 1 da empresa no Rio Grande do Norte, conta que trabalha na empresa para adquirir a renda complementar. "Não estamos preocupados com a investigação. Se fosse assim teriam de investigar todas as mídias sociais e sites", ressalta. Ele garante que a empresa atua de forma correta e dentro da legalidade.
"Trabalhamos com publicidade, vendendo os espaços para a divulgação de produtos. Temos o diferencial de controlar o horário em que os anúncios são publicados, possibilitando as empresas anunciantes atingirem o público alvo", diz. De acordo com Ewerton Farias, além da publicidade, a empresa está ampliando suas atividades. na internet. "Estamos com um serviço agregado de perguntas e respostas no site e pretendemos ampliar nossas atividades", conclui.
O representante comercial Nestor Case, que é divulgador Telexfree, diz que não vê problema no fato de o MP investigar a empresa. "A Telexfree é 100% legal e cumpre com todas suas obrigações com seus divulgadores e clientes, e paga todos os seus impostos. Temos um produto, que é o serviço Voip, que não é um produto de fantasia. Caso seja solicitada alguma informação perante ao MP, com certeza o setor jurídico da Telexfree estará à disposição. A postura do MP do nosso estado de não apenas investigar a Telexfree como todas as outras mostra transparência e imparcialidade e isso é bom para o MMN do Brasil".
Do G1 RN

Dilma manda prender e multar quem impedir o livre trânsito da população

Diante da intransigência dos caminhoneiros, que insistem em descumprir a ordem judicial para desobstruírem as estradas do país, a presidente Dilma Rousseff mandou prender e multar, em R$ 100 mil por hora, aqueles que insistirem em impedir o livre trânsito da população. Até a noite de quarta-feira (3/7), as forças policiais já tinham levado 11 pessoas para a prisão. “É fundamental no país que as estradas não sejam interrompidas, e o meu governo não ficará quieto perante esse processo. Na nossa bandeira tem a palavra ordem, que significa democracia, mas também respeito às condições da produção e de circulação das pessoas”, disse Dilma.
Após o aviso da presidente, a maioria dos manifestantes recuou, temendo represálias. A expectativa dos organizadores dos protestos, liderados pelo Movimento União Brasil Caminhoneiro (MUBC), era de que as obstruções em estradas de nove estados durassem até a manhã de hoje. A entidade já havia sofrido um pesado golpe anteontem, ao ser multada em R$ 6,3 milhões pela Justiça Federal no Rio de Janeiro e ser avisada de que havia se tornado alvo de um inquérito aberto pela Polícia Federal.
Do Correio Braziliense

Marcelo Rezende anuncia falsa prisão na TV

Apresentador do "Cidade Alerta" (Record), Marcelo Rezende noticiou várias vezes, no programa de ontem, a suposta prisão do assaltante Diego Rocha Freitas Campos, 20, o que não ocorreu.
Homem mais procurado pela polícia paulista hoje, Campos é o suspeito de ter assassinado com um tiro na cabeça um menino de cinco anos, o boliviano Brayan Capcha, na semana passada, em São Mateus (zona leste).
A barriga (notícia falsa, no jargão jornalístico) incluiu o fato de um helicóptero da Record ter filmado um hospital da zona leste onde Rezende dizia que o assaltante estava internado. O apresentador não foi localizado ontem para comentar o caso.
Do Folha

A Seleção de Futsal de Messias Targino foi campeã da I Copa Regional de Futsal

 A Seleção de Futsal de Messias Targino foi campeã da I Copa Regional de Futsal Julimar Almeida onde venceu a equipe do Cruzeiro de Assu, pelo placar de 3x2. O jogo da final aconteceu no domingo (30) no Ginásio de Esporte Onézimo Teixeira Ribeiro que ficou completamente lotado com torcida das duas equipes.
A I Copa Regional de Futsal Julimar Almeida foi uma promoção da Prefeitura de Messias Targino através Secretaria Municipal de Esporte, e foi considerado um sucesso pelo secretário Municipal de Esporte, Rubinho .
Durante a competição, 12 equipes de futsal participaram da disputa, que em todos os jogos foram de casa cheia. Durante os jogos foram marcados 91 gols, que foi considerado uma boa media. As 12 equipes participaram da I Copa Regional de Futsal com 115 atletas .
O secretário l de Esporte, Rubinho, avaliou como positivo a competição e destacou o trabalho realizado pelos membros secretaria. Também foram adquiridos 17 cestas básicas que serão entregue pela secretaria de Ação Social a famílias carentes do município.
Do Site da Prefeitura Municipal de Messias Targino

Vigilância Sanitária intensifica fiscalização e também orienta consumidores

A Vigilância Sanitária (VISA) de Messias Targino, que tem como coordenadora Mônica Teixeira Rocha, tem realizado um intenso trabalho de fiscalização em supermercados, padarias, restaurantes, lanchonetes e bares da cidade.
O objetivo tem sido o de constatar de perto a qualidade dos produtos alimentícios vendidos nestes locais, bem assim a condição de higiene e salubridade de cada estabelecimento.
Contando com total apoio da secretária municipal de Saúde e Saneamento, Érik Alany Barbosa, a VISA tem realizado um trabalho elogiável.
Mas, além da fiscalização, a Vigilância Sanitária messiense também utiliza a grande audiência da Rádio Comunitária Juventude FM (87,9) para levar esclarecimentos e orientações à comunidade em geral, especialmente ao consumidor.
Em texto bastante educativo, a VISA orienta os consumidores a prestarem atenção a vários aspectos dos ambientes que vendem alimentação, tais como cheiro da comida, cor dos produtos ofertados, se há tampas nos cestos de papel higiene dos estabelecimentos que comercializam alimentação, qual a condição de higiene de cada um, etc.
Inicialmente dirigida aos consumidores, a mensagem da Vigilância Sanitária messiense, levada ao ar pelas ondas da Juventude FM, pode também ser aproveitada pelos comerciantes, que poderão também se orientar para procurar desfazer eventuais erros e, com isso, captar ainda mais clientela. Todo esse trabalho da VISA messiense é muito importante para a saúde da população.
Do Blog O Messiense

Motoniveladora e Retroescavadeira são apresentadas a população

 No domingo (30), a Prefeitura Municipal Messias Targino realizou a apresentação junto a comunidades das máquinas, motoniveladora e retroescavadeira para a população do município.
A apresentação dos equipamentos aconteceu ao lado da prefeitura, e chamou bastante a atenção da comunidade. Antes a motoniveladora e a retroescavadeira percorreu as principais ruas da cidade
O vice-prefeito Pôla Pinto (PT), secretários municipais, auxiliares, vereadores e pessoas da comunidade prestigiaram a apresentação dos equipamentos.
As máquinas Retroescavadeira e Motoniveladora fazem parte do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC -2 do Governo Federal em parceria com a prefeitura municipal do município.
Do Site da Prefeitura de Messias Targino

Sócios da Telexfree tentaram desviar R$ 101 milhões após interdição

A situação da empresa de marketing multinível Telexfree está cada vez mais complicada. Nesta terça-feira (3), o Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou a liminar para desbloquear as contas da empresa e hoje (4), o Ministério Público do Acre (autor da ação que causou a interdição da Telexfree) pediu o fim da empresa. A informação foi publicada pelo site iG, que revelou também que os responsáveis pela suposta pirâmide teriam tentado desviar R$ 101 milhões.
Segundo o MP, caso isso tivesse acontecido, esse dinheiro provavelmente não estaria disponível para ressarcir quem entrou no negócio até hoje – entre 450 mil e 600 mil pessoas, estima-se. A devolução é um dos objetivos da ação civil pública apresentada pelo órgão ministerial na última sexta-feira (28), ao Tribunal de Justiça do Acre (TJ). O bloqueio temporário, obtido por liminar, também havia sido pedido pelo órgão como forma de evitar os vazamentos.
“Quando a juíza determinou o bloqueio dos recursos, 24 horas depois eles [responsáveis pela empresa] conseguiram entrar numa conta e desviar R$ 40 milhões para uma outra conta que não era da Telexfree. Outros R$ 48 milhões foram para outra conta”, afirmou a promotora Alessandra Marques, uma das responsáveis pelo inquérito em que a empresa é acusada de ser uma das maiores pirâmides financeiras do País.
O problema é que, de acordo com um pedido feito à Justiça do Acre pelo próprio MP, o valor foi ainda maior: as transferências tentadas somavam R$ 51,7 milhões e R$ R 50 milhões, segundo uma decisão publicada no dia 26 de junho no Diário de Justiça do Acre.
É importante ressaltar que a Telexfree sempre negou qualquer irregularidade. Porém, procurada por meio de seu advogado Horst Fuchs, a empresa não comentou a ação civil pública até o momento. Questionado em 25 de junho sobre eventual descumprimento do bloqueio de bens, Fuchs refutou a informação.
Na próxima segunda-feira (8), a 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre analisa o segundo recurso da empresa contra a decisão. O primeiro foi negado no dia 24 de junho pelo desembargador Samoel Evangelista. “Se cair a nossa liminar, aí só [haverá novo bloqueio] depois do julgamento do mérito da ação, quando não vai ter mais nenhum centavo. Em 24 horas, eles desviaram quase R$ 100 milhões” afirma Alessandra. “ A segurança para os consumidores investidores é que o dinheiro permaneça tutelado pelo Judiciário”, afirmou a promotora.
O Tribunal tem sido pressionado a derrubar a liminar: a juíza Thaís Khalil, que a concedeu, foi ameaçada de morte, e divulgadores – que ficaram sem os pagamentos – têm feito protestos em várias capitais. O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que não tem o poder de alterar decisões sem que haja provas de irregularidade na conduta do magistrado, recebeu mais de 18 mil mensagens em favor da Telexfree .
Na última terça-feira (2), a sessão da Assembleia Legislativa do Acre foi interrompida para a recebimento de um grupo de divulgadores da Telexfree. O deputado Helder Paiva (PR) propôs que uma comissão de parlamentares seja recebida pelo Tribunal de Justiça com “urgência”.
“Talvez alguém não esteja compreendendo quando eu disse peça [ para a comissão ser recebida ] porque nós não podemos mandar [ na Justiça, mas ] os que são juristas compreendem”, disse o deputado Paiva, em vídeo disponibilizado pela TV da Assembleia. “E eu tenho certeza que esse pleito será atendido e que, daqui a alguns dias eu e tantos outros estaremos fazendo parte desse projeto [ Telexfree ].”

Extinção da empresa
Na ação civil pública, a promotora Alessandra também pede uma multa de R$ 7 milhões à Ympactus Comercial LTDA, razão social da Telexfree, por “prejuízo causado ao sentimento de confiança” da população nas empresas. O dinheiro deverá ser revertido para o Fundo Estadual de Diretos Difusos.
Além disso, Alessandra pretende propor a extinção da empresa, medida, segundo ela, que busca permitir a utilização dos bens dos sócios para ressarcir os divulgadores, caso as verbas em nome da própria Telexfre não sejam suficientes. A promotora acredita que não serão.
“O interessante é buscar o patrimônio deles porque sabemos da dificuldade de ressarcir todos que investiram”, afirma.
Caso o pedido de devolução seja aceito, diz a promotora, os consumidores que tiverem como provar o investimento de dinheiro no esquema poderão exigir o ressarcimento em suas próprias cidades. Para isso, deverão ingressar na Justiça com ações de execução baseadas na decisão dada no processo do Acre.
Do Portal No Ar

Usinas termelétricas são desligadas para economizar R$ 1,4 bilhão por mês

A medida visa economizar R$ 1,4 bilhão por mês. O valor representa cerca de dois terços do custo mensal que o governo tem atualmente com térmicas.
A decisão foi tomada ontem (3) durante reunião do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE). Com a decisão, 34 usinas vão deixar de gerar energia. O desligamento representa a saída de 3,8 megawatts. As térmicas a gás, a biomassa, a carvão e as usinas nucleares continuarão ligadas.
As usinas foram acionadas em outubro para garantir a segurança energética do país. Na época, o nível dos reservatórios das hidrelétricas era considerado baixo. O sistema de geração de eletricidade do Brasil é chamado de hidrotérmico, ou seja, a geração por meio de hidrelétricas é a principal, e as térmicas movidas a gás natural, óleo diesel, carvão ou biomassa servem para complementar.
Quando o nível dos reservatórios das hidrelétricas está muito baixo, o governo decide acionar mais termelétricas para garantir que não falte energia no país. No entanto, essa energia é mais cara e mais poluente.
Do Portal No Ar

Movimentos sindicais se juntam a estudantes para novo protesto no dia 11

Os movimentos sindicais, partidos de esquerda representantes da Saúde e o movimento #RevoltaDoBusão irão realizar um novo protesto na próxima quinta-feira (11). Este protesto irá marcar o “Dia Nacional de Lutas com Greves e Mobilizações”, que será realizado em todo Brasil.
O movimento se concentrará no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) às 14h e terá como pauta a redução dos preços e a melhoria dos transportes coletivos, investimentos em Saúde e educação pública, o fim do fator previdenciário e aumento das aposentadorias, redução da jornada de trabalho, fim dos leilões das reservas de petróleo, além de lutar contra a PL 4330 (terceirização dos serviços bancários) e também a favor da reforma agrária.
A estimativa da organização é que o movimento reúna aproximadamente 15 mil pessoas como no protesto #RevoltaNatal20 realizado no mês passado. Além disso, acontecerá uma reunião na sede da Central Única dos Trabalhadores (CUT) às 9h para se definir o percurso percorrido pelos manifestantes.
Os estudantes realizaram na quarta-feira (3) dois protestos (Parnamirim e zona Norte de Natal) para cobrar a unificação das tarifas do transporte metropolitano, licitação para a contratação de empresas de transporte e maior transparência nos lucros das empresas permissionárias.
Do Portal No Ar